pesquisa magos da luz

Pesquisa personalizada
-------------------
Mostrando postagens com marcador Além da ciência: o poder do beijo. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Além da ciência: o poder do beijo. Mostrar todas as postagens

14 de set de 2012

UM ESPÍRITO TENTOU ME MATAR

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui -->

UM ESPÍRITO TENTOU ME MATAR COMO É POSSÍVEL?

TIVE MUITOS PROBLEMAS NA MINHA VIDA DEVI AS COISA QUE EU FIZ FUI PARA A PENITENCIARIA ONDE PERMANECI POUCO MAIS DE 3 ANOS.. E PARA QUEM NÃO CONHECE É DIFÍCIL EXPLICAR MAIS O CLIMA É MEIO PESADO, MUITAS ALMAS VAGAM NO LOCAL... AI COMEÇA A HISTORIA MAIS VOU RESUMIR, LÁ CONHECI UM CARA QUE ERA ESPÍRITA E RECEBIA UNS ESPÍRITOS ALGUNS DIAS DEPOIS ELE FOI TRANS PARA SANTOS E NÃO TIVE MAIS NOTICIA... MAIS ALGUNS DIAS DEPOIS ACONTECEU ALGO MUITO ESTRANHO.. TODO MUNDO FALA QUE UM ESPÍRITO NÃO PODE TOCAR EM NINGUÉM FISICAMENTE... TODA NOITE QUANDO EU IA DORMIR EU FICAVA UNS 30 MINUTOS SO FINGINDO PARA VER SE ESTAVA TUDO NORMAL TINHA MANIA DE POR A CAMISETA NOS OLHOS PORQUE A LUZ NA CARA INCOMODA. ASSIM QUE DEITE FIZ O QUE SEMPRE FAZIA SO QUE QUANDO FUI POR A CAMISETA NO OLHO ALGO ME SEGUROU SENTI ELE SENTADO NO MEU PEITO E ME ENFORCOU... QUANDO CONSEGUI ME SOLTAR ESTAVA TOTALMENTE SEM AR E SO VI O VULTO SUMIR.... UM VELHO QUE ESTAVA COMIGO FALOU QUE ERA NORMAL E QUE JÁ TINHA VISTO ISTO ACONTECER ANTES. MAIS COMO ASSIM NORMAL COMO UM ESPÍRITO PODE MATAR UMA PESSOA ? E OUTRA ELE ESTAVA VAGANDO E ME PEGOU POR ACASO OU ME ESCOLHEU ? OUTRA A ALGUM DIAS UMA PESSOA TINHA MORRIDO ENFORCA DA(SUICÍDIO NO LOCAL MAIS ANTES DE EU CHEGAR PODE TER SIDO O ESPÍRITO DELA?

22 de ago de 2012

CARTA DE UM ESPÍRITO PARA UM VICIADO

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

CARTA DE UM ESPÍRITO PARA UM VICIADO

Antes de mais nada, devo logo dizer-lhe que está faltando um ingrediente em sua receita de viver! Falta bom humor em sua sopa! E olhe que nem precisa ser muito esperto para ver isso. Basta olhar ao seu redor e ver quantos corações você já machucou com suas loucuras. Sua mãe, seu pai e seus irmãos já não sabem mais o que fazer para agradá-lo. Você criou uma couraça tão forte à sua volta que nem mesmo quem lhe ama consegue chegar até você.

As pessoas o olham de esguio e não sabem discernir o que sentem mais forte por você: pena, medo ou simplesmente raiva por alguém tão jovem ser tão burro. Algumas sabem discernir o que sentem e são mais diretas: simplesmente querem que você se ferre! Você já desperdiçou tantas chances que ninguém mais lhe dá crédito.

Você é muito nervosinho e dramático, mas não corre o risco de arranjar uma úlcera, pois pois você já é a própria. Corroeu o amor da família e dos amigos mais chegados. Brigou com tudo e com todos. E o pior é que você ainda se julga uma vítima. Sabe de uma coisa? Você não precisa comprar drogas, pois já transformou sua vida numa droga tão grande que nem sei como é que você ainda não teve uma overdose de si mesmo.

De vez em quando você diz que pretende se matar, mas eu conheço seu jogo: você quer mesmo é fazer chantagem emocional, pois assim consegue manipular muito bem as pessoas. E, além disso, já sei que você ouviu um palestrante espiritualista dizer que quem se mata, passa muito mal no "Astral". Posso dizer-lhe isso com muito mais cancha, e melhor, usando seu linguajar esperto: "quem se mata, sofre prá cacete!" E, na verdade, você já está se matando um pouquinho a cada dia, pois quem é nervosinho demais, ferra o próprio sistema nervoso a cada explosão emocional.


Nesse exato instante em que estou lhe escrevendo, sua mãe está chorando no quarto mais uma vez. Ela acabou de achar drogas em sua mochila pela enésima vez. Por que você não vai lá dar uma olhada? Garanto que os cabelos dela já embranqueceram mais um pouco.

Estou lhe escrevendo diretamente, mas minha intenção é mais ambiciosa: há muitos idiotas como você aí no mundo e eu pretendo que eles também leiam isso. Não sei se vai ajudá-los, mas estou fazendo meu papel e espero que a natureza faça o dela, isto é, que você e os outros do seu quilate sofram as conseqüências do desastre que impuserem a vocês mesmos.

Há muita gente desencarnada desejando um novo corpo físico para mourejarem novas oportunidades de aprendizado na Terra. Entretanto, gente como você desperdiça as chances que a vida apresenta como lições valiosas.

Atualmente, dois caminhos que levam à morte prematura se abrem à sua frente e eu nem preciso ser um espírito desencarnado para saber o que lhe acontecerá: Seu sistema nervoso explode ou a droga lhe leva.

Se você cair em uma destas coisas, devo avisá-lo que após a morte dois caminhos também se abrirão:

Você sofrerá muito, pois no Astral não existem drogas e leva tempo até o corpo espiritual se desintoxicar das energias densas geradas por elas. Garanto que você nunca pensou nisso, né? Se a própria ciência terrestre afirma que tudo é energia em graus variados de densidade, a droga é, também, um tipo de energia, porém de baixo nível, grossa e que cria sérias lesões no corpo espiritual do usuário.

Os centros energéticos* de seu corpo espiritual podem ficar tão abalados com seu desequilíbrio emocional que o único remédio pode ser uma reencarnação purgativa para limpá-los. Para explicar-lhe isso, uso os ensinamentos do sábio mentor Ramatís, que diz o seguinte: "A reencarnação purgativa se faz necessária para drenar os fuidos perniciosos, aderidos na contextura espiritual do corpo astral, para o novo corpo físico, carregando então o espírito para dentro dos centros energéticos de seu ergástulo** terreno, os venenos psíquicos oriundos de seu descontrole espiritual."

Voltando ao nosso papo, é assim que nasce mais um epiléptico na Terra. Das duas, uma: ou foi usuário de drogas,ou era nervosinho demais na última existência*** (ou melhor, inexistência).

Pois é isso meu chapa: sua vida na Terra é bem lamentosa, infelizmente não só para você, mas também para aqueles que o amam. Não sei se esses escritos lhe farão pensar (coisa que você não faz há muito tempo), mas, de qualquer maneira, é mais um toque que a vida está lhe dando.

Sou um cara desencarnado e já vi muita gente como você se dar muito mal aqui no Astral. Por isso, lhe digo: Saia desta enquanto é tempo, cara! Mostre que você é esperto e enfrente a porra desse vício. Pare de falar em suicídio e vá viver. Pratique algum esporte. Respeite seus pais, pois, de qualquer maneira, eles o ajudaram a crescer. Eles não são perfeitos (ninguém é!), mas o amam. Procure alguém ou alguma instituição que o ajude.

Por aqui, despeço-me, ou como se diz por aí: "vou puxar o carro (espiritual, é claro) e me mandar!"

* * *

Rapaz, como o amigo Lareira disse no início destes escritos, sua sopa é furiosa, mas você pode melhorá-la acrescentando alguns ingredientes especiais.

Coloque algumas pitadas de:

ESPIRITUALIDADE (você é imortal sim!);

RESPONSABILIDADE (assuma as conseqüências de seus atos e conserte seus erros);

AMOR (se amarre numa garota; é bem mais gostoso(a) do que droga);

ALEGRIA (diga sim à vida).

Por: Lareira (Recebido por Wagner Borges)

30 de mai de 2012

Vidência Online

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui
 Quais são as suas preocupações!? Dinheiro, Amor, Família...
O pedido de ajuda é gratuito e sem compromisso.

Vidência Online
Quais são as soluções para ser feliz no amor? Alcance a prosperidade financeira! Encontre o caminho para a felicidade... Veja aqui os testemunhos de quem recorreu à ajuda das videntes parceiras da Vidência Online:
Testemunhos
«Fenômeno nunca visto», «Dom milagroso», «Visões infalíveis»... São o testemunho de quem pediu ajuda às nossas videntes.
Amor
«Devolveu-me o meu bem mais precioso... a minha mulher. Soube descobrir o que a tinha afastado de mim. É uma nova vida para a minha vivência a dois. Ficar-lhe-ei eternamente grato.»
Finanças
«Não sei como é que faz, mas as suas previsões são extraordinárias. Há 15 anos que tento a minha sorte no jogo sem resultado. Na semana seguinte ao contacto com a vidente, ganhei o jackpot. No entanto, tinha as minhas dúvidas, mas os resultados estão à vista... Sinceramente, estou muito grato ! »
Sorte
Uma sorte extraordinária ! ... Nunca acreditaria poder dizer isto um dia, mas é preciso reconhecê-lo. Desde pedi ajuda que atraio a Sorte como um íman... Agora tenho imensos projetos na cabeça. Isso faz muito bem. Obrigado » 
 
 

24 de jan de 2012

Reuniões Mediúnicas CEEM


Reuniões Mediúnicas CEEM


A FEIG realiza diversas reuniões de educação e de desenvolvimento mediúnico, assim como reuniões de tratamento espiritual. O acesso a essas reuniões, seja como médium ou como paciente, conforme for o caso, somente é possível por indicação direta do Mentor Glacus, através de orientação mediúnica. As pessoas que se julgam com questões de ordem mediúnica podem conversar a respeito com nosso pessoal no Atendimento Fraterno, de segunda a sexta-feira e aos domingos, a partir de 19:30h.

 http://www.feig.org.br/content/reuni%C3%B5es-medi%C3%BAnicas-ceem

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

23 de nov de 2011

Eu fui o faraó Tutankhamon (relato)

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui


Desde pequeno me interessei pelo Antigo Egito. Antes mesmo de ser alfabetizado ocupava meu tempo essencialmente assistindo documentários e absorvendo todo tipo de informação sobre aquilo tudo, que me fascinava sem motivo plausível, já que não havia uma conexão cultural objetiva com nada daquele país. Certa vez, quando criança, ao ler uma matéria em uma revista infantil (Nosso Amiguinho, edição de novembro de 1.990, páginas 27/28) deparei-me com um artigo sobre a descoberta da tumba de um faraó. Eu tinha 8 anos e ao ler aquele texto me veio um súbito e inexplicável desânimo que veio a adormecer sumariamente todo o meu interesse pelo Antigo Egito. Todo o meu fascínio por aquele povo desapareceu em um piscar de olhos em razão daquela matéria de revista infantil. Ao ler o artigo senti um profundo dissabor e um forte sentimento de indignação e revolta pelo que estava escrito, pois, “não era aquilo”.
Depois deste acontecimento todo o meu interesse pelo Antigo Egito ficou adormecido; vez ou outra era ligeiramente despertado, mas sempre eu tinha o sentimento de que havia algo a mais a saber e que aquilo que me era exposto através dos outros não era a mais pura verdade, o que me desanimava mais ainda. A história entregue pelo sistema educacional oficial e aquilo que é passado pelas escolas iniciáticas que se dizem conhecedoras das tradições do Antigo Egito nunca foram suficientes pra mim; sempre senti que não era aquilo ou que tinha algo além do que diziam. Como meias verdades são piores que mentiras, e perda de tempo, nunca me interessei em perder tempo com o que não fosse a completa verdade. Anos depois, após muita busca e Vontade de encontrar, pude entender o motivo do meu fascínio pelo Antigo Egito e o porque do meu súbito desânimo ao ler aquela matéria na revista infantil. Eu fui o faraó Tutankhamon.
Há algum tempo uma médium canalizadora, até então minha desconhecida, entrou em contato comigo dizendo ter mensagens de determinados espíritos para mim. Receptivamente, comecei a ouvir o que ela dizia. Tais espíritos, em um certo momento, disseram para me preparar porque dentro de uma semana aconteceria algo comigo e que eu não deveria ter dúvidas, pois “estaria fazendo a coisa certa”. Ato contínuo, como faço regularmente, fui à uma sessão de regressão à vidas passadas que faço com um amigo. A sessão aconteceu exatamente no tempo em que aqueles espíritos tinham dito que aconteceria algo comigo. Começando a sessão, às 20:30hs, como sempre fazemos, ficamos cerca de 1h conversando sobre vários temas relacionados à espiritualidade, mas nada com o que viria pela frente. Chegado o horário para início da regressão, 21:30hs, deitei-me e imediatamente, antes de todo o processo iniciar, eles chegaram.
Eu estava deitado no sofá da sala, local onde meu amigo há décadas realiza gratuitamente o trabalho de regressão, e ele sentado em sua cadeira, ao lado, disse: “Os deuses estão aqui”. Antes dele falar isto eu já sabia quem eram e quando ele falou em “deuses” veio a minha confirmação pessoal. Uma presença extremamente forte, poderosa e determinada tomou conta do local. Meu amigo tentou iniciar o processo de regressão, como habitualmente faz através de técnicas de relaxamento, mas não conseguiu. Estes espíritos que estavam no local assumiram o controle da sessão e nada que meu amigo e eu tentássemos guiar em qualquer plano tinha êxito. Aquela sessão era deles. Ao deitar, logo após eles chegarem, não foi preciso qualquer trabalho de regressão. Imediatamente surgiu em minha mente a imagem do rosto de um faraó com um fundo escuro, que ocupava todo o campo de visão mental.
Passei a descrever a imagem que via em minha mente para o meu amigo. Um faraó, com toucado em listras amarelas e azuis alternadas, uma pedra rosada na testa e um leve sorriso. Conforme descrevia a imagem meu amigo confirmava que via exatamente a mesma figura em sua mente; o que lhe causou nítido espanto. Meu amigo começou a tentar fazer a regressão progredir através do seu método particular, mas nada acontecia. A imagem fixou em nossa mente e estes espíritos vieram até mim e começaram a fazer um trabalho em meu corpo por imposição de mãos, vagarosamente, dos pés à cabeça. Eram espíritos egípcios, do Antigo Egito, e mexeram em meu corpo psíquico naquela noite. Enquanto uns impunham as mãos, outros acompanhavam. Eu tanto podia sentir a presença deles como mesmo de olhos fechados, por algum tipo de luz que emanavam, vê-los. Altos, esbeltos, ombros um pouco largos, usavam saias, sem camisa, ombreiras, sandálias e o toucado.
A imagem do faraó era mantida em nossa mente enquanto os egípcios trabalhavam em mim. A presença deles era extremamente forte e poderosa e faziam saber que estavam em um trabalho muito sério. Meu amigo, um homem de quase 50 anos, estava estupefato e apenas observava tudo acontecer, já que nada podia fazer. Durante a experiência, apesar de se tratar de seres tão imponentes, eu sentia um sentimento de muita familiaridade e bem querer deles para comigo. Eu sentia que eles realmente queriam o meu bem, que estavam ali para fazer algo bom comigo e que por isso não havia motivos para eu recear qualquer coisa. Fui deixando tudo acontecer, adotando uma postura receptiva e sem me fechar. Eles foram subindo com as mãos pelo meu corpo, dos pés à cabeça e quando ali chegaram, mesmo de olhos fechados, eu via um deles com as mãos impostas sobre a minha cabeça emanando várias luzes sobre mim.
Logo no começo da experiência, quando apareceu a imagem do faraó, me veio uma expressão em mente e que na hora eu soube imediatamente que era a saudação formal que as pessoas usavam ao se dirigirem ao faraó. Os faraós eram considerados deuses, mas isto não acontecia meramente por uma convenção social de castas. Como os faraós eram deuses, por determinados reais motivos e não mera questão de formalidade decorrente de elitização social como atualmente tentam fazer acreditar, ninguém podia olhá-los diretamente, era proibido. Ninguém precisava ajoelhar-se em frente a um faraó, mas todos precisavam tampar os olhos com uma das mãos e baixar a cabeça colocando o raio de visão para baixo do corpo do faraó, para que assim não pudessem fitá-los diretamente. Esta era a reverência aos faraós em sua época. A mensagem de saudação era exatamente esta: “Sim, meu amo. Sim, meu mestre. O que queres que eu te faça?”.
Naquilo que era para ser uma regressão típica meu amigo e eu fomos apenas espectadores dos trabalhos destes espíritos egípcios que vieram até mim. Durante a experiência poucas imagens apareceram. A imagem principal e constante foi a do rosto do faraó. Pouquíssimas outras imagens, todas relacionadas a este faraó, apareceram e por muito pouco tempo. A imagem que vimos era a máscara mortuária de Tutankhamon, que até então, no momento da experiência, não sabíamos ser deste faraó, mas no dia seguinte, após pesquisa, confirmamos. No que eu vi, como faraó, a serpente que consta na testa da máscara ao invés de ser mero adorno era uma pedra rosada, que é do mesmo mineral e cor das pedras que existiam nas pontas das pirâmides, conforme eu já tinha visto muito tempo atrás. Esta pedra rosada que era usada pelos faraós era um cristal utilizado para entrar em contato com determinadas entidades em outros lugares e da mesma linhagem. Era fardo de responsabilidade para os faraós.
Foi realizado um forte trabalho em meu corpo psíquico e que depois me ajudaria a ter mais lembranças sobre minhas vidas passadas, principalmente no Antigo Egito. Após esta experiência passei por um período de intensas e constantes visões sobre o Antigo Egito, inicialmente focadas em minha vida como Tutankhamon. Bastava fechar os olhos, em qualquer estado, até mesmo imerso na objetividade da rotina diária, que vinham as imagens. Hoje estas imagens continuam aparecendo, mas com menos frequência. Ainda mantenho contato com estes espíritos egípcios, que vieram até mim também com o intuito de me fazer recordar de minhas vidas no Antigo Egito e que tanto me revelam sobre aquela civilização como me ajudam em meu processo de autoconhecimento. Muitas coisas importantes me foram reveladas sobre Tutankhamon, os faraós e os deuses egípcios, muita coisa eu vi e muita coisa me disseram, e o mais grandioso está relacionado à uma vida anterior de Tutankhamon como um deus egípcio.
A matéria que li na revista Nosso Amiguinho quando criança falava sobre a descoberta da tumba de Tutankhamon por Howard Carter e é intitulada “Faraó Tutancâmon”. Segundo os espíritos egípcios, na época que li o artigo o súbito desânimo veio tanto por saber que o que estava escrito na matéria não retratava a verdade, como por um sentimento íntimo de não ter terminado aquilo que havia se proposto a fazer (a vida de Tutankhamon foi tirada quando este tinha cerca de 19 anos). Os faraós de linhagem não eram considerados deuses à toa e os antigos deuses egípcios ainda estão unidos e não esqueceram dos seus; vieram até mim e, com propósito, confirmaram a mim e a outras pessoas, não apenas nesta experiência como em outros momentos, minha vida como Tutankhamon. Quanto à afirmação aqui presente, pode ser comprovada diretamente com os espíritos do Antigo Egito. Quem tiver contato com eles, ou com qualquer outra fonte espiritual apta a responder sobre isso, basta perguntar.
Contato: http://rudyrafael.wordpress.com/contato/

18 de ago de 2011

RABANADA / OXALA /AGELU.

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

RABANADA / OXALA /AGELU.
- 6 cacetinhos .
- 1 lata leite condensado.
- 1 lata de leite comum .
- 2 ovos de casca branca inteiros .
- Açúcar cristal para polvilhar.
- *Ori para untar .
Modo de preparar:
  • Unte uma assadeira com ori.Corte os pães ao meio ,ao cumprido.Misture o leite condensado,leite comum e os ovos ligeiramente batidos.Passe cada fatia de pão na mistura,deixando escorrer um pouco do excesso de líquido,acomode-a na assadeira,polvilhe com açúcar cristal e leve ao forno médio[180º]por cerca de 30 minutos.
  • Forre uma bandeja com algodão em manta,e coloque as doze fatias de pão.
  • Acenda uma vela branca para Agelú e outra para Oxalá.-
  • Fazer o arreio domingo 18 horas  e despachar na sexta-feira 06 horas.-


23 de jun de 2011

macumba para amor

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

Ainda esta noite de madrugada o TEU amor dará conta de que TE ama, algo assim acontecerá entre 1 e 4 horas da manhã esteja preparada para o maior choque de sua vida! Se romper esta corrente terá má sorte no amor. Deus vai lhe abençoará e a sua vida não será a mesma....
LEIA SOZINHO porque no passado eu também não acreditava que ia dar certo, mas... funciona mesmo!!! Entrei neste site e fiz esta prece. Fiz para ver se ia dar certo e deu, assim que acabei meu amor ligou. A pessoa que eu copiei também não acreditava mas para ela também funcionou! AGORA VEREMOS...
Diga para você mesmo o nome do único rapaz ou moça com quem você gostaria de estar (três vezes)...
Pense em algo que queira realizar na próxima semana e repita para você mesmo (seis vezes).
Se você tem um desejo, repita-o para você mesmo (Venha cá ANJO DE LUZ eu te INVOCO para que Desenterre o Thiago de onde estiver ou com quem estiver e faça ele ME telefonar ainda hoje, Apaixonado e Arrependido, desenterre tudo que esta impedindo que o thiago venha para MIM rdm , afaste todas aquelas que tem contribuído para o nosso afastamento e que ele thiago não pense mais nas outras... mas somente em MIM. Que ele ME telefone e ME AME. Agradeço por este seu misterioso poder que sempre dá certo. Amém...).

9 de mai de 2011

teste voce e ingenuo

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui



3 de mar de 2011

Simpatias para o Dia dos Namorados

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui
Simpatias e Encantamentos para o Dia dos Namorados
:: Miriam Carvalho ::


Tudo leva a crer que a comemoração do Dia dos Namorados seja uma lembrança dos antigos festivais de fertilidade das religiões pagãs, chamados Lupercália, comemorados na Roma Antiga em honra ao Deus Lupercus, protetor dos rebanhos e pastores, juntamente com a Deusa Juno.

Na Grécia - Deusa Selene; Em Roma - Festival do Amor de Afrodite (14/02)
No Egito - Dois festivais em homenagem à Deusa Isis.
Nos Estados Unidos - San Valentim (14/02) Patrono dos Apaixonados

Em 494, a Igreja Católica proíbe a realização desses festivais, instituindo o Dia de São Valentim, padre romano morto em 270. A partir daí, esse santo passou a ser considerado o protetor dos namorados e da fertilidade.

Na Grécia e Roma antigas, bem como em outras civilizações, os casamentos eram arranjados pelos pais dos noivos, visando a manutenção dos bens.

O amor romântico e consciente começou a se manifestar no início do Renascimento, quando as pessoas começaram a pontuar o significado maior de uma vida a dois. Uma das primeiras expressões de histórias românticas que contrariaram o desejo dos pais foi a de Romeu e Julieta.

Outra história verídica foi o amor de Abelardo e Heloisa.
Pierre Abelard, nascido em 1079, filósofo e teólogo, ensinava na Catedral Escola de Santa Genoveva quando conheceu Heloise. Sobrinha do Bispo Fulbert. Abelardo e Heloisa vivenciaram um grande amor e tiveram um filho. O homem foi castrado, tornando-se monge e ela enclausurada em um mosteiro. Mantiveram correspondência por muitos anos e suas cartas de amor foram consideradas uma das grandes obras da literatura universal.

No Brasil, o dia dos namorados surgiu com uma campanha publicitária de João Dória da agência Standard Propaganda para a antiga Loja Clipper, a fim de melhorar as vendas de junho que estavam fracas, criando o slogan;
Não é só com beijos que se prova o amor.
A moda pegou.
O Dia dos Namorados é comemorado na véspera do dia de Santo Antonio, tradicional Santo Casamenteiro e, então, o costume popular de fazer simpatias.

SIMPATIAS FUNCIONAM?
Funcionam porque todo ato de vontade é uma forma de magia.
Magia é a capacidade de realização, que emana de forças psíquicas, que transforma em real uma vontade dirigida.
A simpatia nada mais é do que um ritual para concentrar a energia, pois é sabido que, apenas com um pensamento negativo, poderemos prejudicar qualquer forma da criação e, principalmente, a nós mesmos, com a somatização de doenças.

PARA RECONCILIAÇÃO
Acenda duas velas, uma rosa e outra azul, unidas com uma linha branca e ofereça para a Corrente dos Anjos da Reconciliação, pedindo que desfaçam o mal-entendido e que tragam novamente a harmonia na relação, desde que seja para o bem de ambos.

P/ AQUELE QUE SOMENTE FICA FORMALIZAR
Retire 3 espinhos de uma rosa vermelha e coloque dentro do perfume que você usa e que a pessoa gosta. Peça para Santo Antonio remover os obstáculos;
Se for para a felicidade de ambos.
Use o perfume sempre que estiver com a pessoa.

SIMPATIA PARA QUEM ESTÁ SÓ
Colocar um quartzo rosa dentro de um copo transparente com água filtrada e deixar no sereno, na véspera de Santo Antonio, pedindo tudo que almeja para realização afetiva, tipo: felicidade, respeito, harmonia, companheirismo, cumplicidade, afeto, dedicação, carinho, amor, compreensão etc..
No dia seguinte, passar a água:
Nos pulsos, para se articular sempre com equilíbrio;
Nos joelhos, para ter flexibilidade e respeitar o outro;
No coração, para amar com sinceridade, e que o amor seja pleno e digno.

BANHOS DE ERVAS, PLANTAS, FLORES FUNCIONAM??

Impossível separar a realidade da fantasia. As ervas e plantas sempre foram usadas desde a Antigüidade como aromáticas, na medicina, na culinária, cosmética, perfumes, hábitos de higiene, para embalsamar corpos, para afastar negatividade como o alho para repelir vampiros. Queima de determinadas madeiras para manter afastado animais ferozes e insetos como a Citronela.
As flores possuem freqüência vibratória e elementos fluídicos através da cor e do perfume, além de embelezar, ionizar ambientes como as rosas, por exemplo.

BANHO DE ATRAÇÃO
Ferver 1 litro de água, desligar o fogo e colocar:
7 pétalas de rosa vermelha (símbolo da paixão)
3 gotas de óleo essencial de sândalo (afrodisíaco)
2 cravos da Índia (afrodisíaco)
Deixar ficar na temperatura do corpo, coar e jogar do pescoço para baixo após o banho.

RITUAL PARA ABERTURA DE CAMINHOS NO AMOR.

Material:
3 velas de 7 dias na cor Rosa
Fazer 21 dias consecutivos
Se esquecer um dia, começar novamente.
Iniciar o ritual na 6ª. feira:
Dia de Vênus e do Arcanjo Haniel.

Fazer diariamente a afirmação e oração abaixo.
Afirmação
Em sintonia com as forças da natureza e de toda a criação, em nome da Bondade e do Amor Universal, peço realização afetiva em nome da Sabedoria e da Justiça e que tudo seja feito a favor do Bem e da Evolução Espiritual. Forças do Bem, Espíritos de Luz e Amor Universal que de agora em diante estejam em sintonia comigo ABRINDO caminhos para o amor compartilhado.

PROGRAME UM CRISTAL PARA O AMOR
Os cristais podem ser programados para uma única finalidade, ou algo muito importante que você deseja alcançar.
É uma forma de potencializar e amplificar a energia da vontade.

Para programação, use apenas cristal branco, uma ponta de preferência.

Escolha um momento ideal, para não haver interrupções, permaneça durante 5 minutos simplesmente se soltando, conscientize-se de que algo muito especial vai acontecer e comece o ritual:

1. Segure o cristal entre as duas mãos, apontando na direção do sexto chacra, Frontal, o terceiro olho, que fica entre as sobrancelhas.

2. Enquanto segura o cristal, visualize um raio de luz conectando você e o Cristal, ligando seu sexto chacra à ponta do cristal, até sentir que a comunicação está feita.

3. Passe mentalmente para o cristal a função a que ele se destina, através das ondas de pensamento para uma vontade dirigida. Seja bem objetiva e clara no que realmente deseja, usando afirmações positivas, sentindo a presença Divina.

4. Reforce a programação do cristal durante sete dias, dizendo:
“Este é o MEU Cristal e está programado em nome da Luz Divina, do Amor Maior e da Harmonia Universal para MINHA REALIZAÇÃO AFETIVA”

5. Guarde-o dentro de um saquinho de tecido ou crochê e ande sempre com ele. Se, eventualmente, alguém tocar nele, ou mesmo pegar sem querer, deixo-o em água e sal durante 24 horas e programe-o novamente.

ORAÇÃO

Senhor...
Nessa eternidade que é a evolução de minha alma,
tudo é perfeito e pleno.
No entanto, minha vida está sempre mudando.
É um constante reciclar de experiências.
Cada momento é novo e fresco,
e sinto que cada dia deve ser um recomeço.
Senhor...
Na grandeza e perfeição de todas as formas de criação,
criaste as polaridades.
Existe em mim uma fonte infinita de amor,
amor a Deus,
amor à família,
amor à natureza,
amor ao próximo.
Mas também preciso compartilhar,
preciso amar e ser amada(o),
quero ser feliz, dividir minhas alegrias.
Senhor ...
Ilumina minha alma,
Acalma meu coração,
Liberta-me desta angustia e solidão,
direciona meus passos na seqüência certa
para uma união feliz,
e que eu atraia somente pessoas
dignas e benéficas para minha vida.
Senhor...
que a Onipotência de sua mão se estenda
sobre mim, abençoando todo o meu ser.
Amem!

TALISMÃ PARA O AMOR
Usar sempre na bolsa, bolso ou carteira. Desenhar ou mandar gravar em quartzo rosa, semente, madeira, concha ou medalha em prata.
http://somostodosum.ig.com.br/conteudo/conteudo.asp?id=03423

Simpatia Para a mulher conquistar o Homem dos seus sonhos
Pegue um pedaço de papel branco e coloque-o sobre um prato virgem, ou seja, um prato que nunca tenha sido utilizado.
Desenhe um coração do tamanho do fundo do prato, em um papel rosa.
Depois, recorte o desenho e escreva nas três primeiras linhas o nome do homem desejado.
Em outras três linhas, escreva seu próprio nome.
Coloque o desenho do coração no fundo do prato, derrame um pouco de mel sobre ele, juntamente com algumas pétalas de rosa branca.
Depois, acenda uma vela vermelha bem no meio do prato, deixando-a queimar totalmente.
Quando a vela acabar de queimar, firme o pensamento no homem desejado. Guarde o prato por sete dias.
Depois, lave as pétalas e coloque-as dentro de um livro.
O prato com o coração deve ser deixado num jardim onde existam espinhos. Banho Para aumentar seu poder de atração
Encha uma panela com um litro de água. Coloque os seguintes ingredientes:
7 pétalas de rosa vermelha (símbolo da paixão)
7 gotas de óleo essencial de sândalo ou verbena (afrodisíaco)
7 cravos da Índia (afrodisíaco)
7 pitadas de coentro (afrodisíaco)
Coloque no fogo e deixe ferver. Deixe esfriar e após seu banho normal, banhe-se do pescoço para baixo, sempre mentalizando que você é uma pessoa atraente, especial e desejada.
Mais algumas simpatias fáceis de serem realizadas.
1. Após o casamento, na lua-de-mel, leve para a cama uma maçã partida em quatro e coberta com mel, juntamente com uma garrafa de champanhe e um copo apenas. Antes de qualquer relacionamento sexual, comam a maçã e tomem um pouco de champanhe.
2. Após a lua-de-mel, quando forem fazer a primeira refeição juntos, a esposa deverá fazer com que o marido coma qualquer coisa oferecida a ele com o garfo dela. Se ele retribuir, melhor ainda, pois a felicidade será buscada e defendida pelos dois.
3. Nos primeiros sete dias de casamento, guarde as roupas que vocês usaram na cerimônia penduradas juntas no guarda-roupa. Durante esse período, acenda duas velas bem juntinhas, num mesmo pires, ofertando aos Anjos da Guarda dos dois.
4. Mande fazer dois pingentes com as pedras dos respectivos signos de cada um, pondo-os em cordões de ouro iguais, que um deverá pôr no outro, cada um com sua pedra do signo. Mensalmente, na primeira noite de Lua Cheia, colocar os dois cordões, com os respectivos pingentes, num mesmo copo com água, um pouco de vinho branco ou champanhe e mel. Deixar toda a noite juntos e, no dia seguinte, lavar em água corrente e voltar a usar. 5. Para que o casamento seja consumado em todos os sentidos e se concretize como uma relação sólida, baseada no amor e no respeito, no dia da cerimônia de casamento tire todos os reis e rainhas de um baralho novo, junte-os aos pares, frente a frente, conforme o naipe e coloque as fotos do casal, de corpo inteiro e sorrindo, da mesma forma, junto com as cartas, amarrando tudo com uma fita vermelha e arrematando com um nó laçada. Após a cerimônia, embrulhe num lenço branco e guarde numa caixa ou gaveta de madeira, onde ninguém mais mexa.
6. No dia do casamento, o noivo e a noiva deverão usar uma peça de roupa, qualquer uma exceto o terno e o vestido, emprestadas de alguém que já seja casado e feliz no casamento. Após a cerimônia, as peças deverão ser lavadas e passadas a ferro, antes de serem devolvidas. Isso deverá ser feito num prazo máximo de sete dias.
7. Some a sua idade com a de seu futuro marido e faça uma quantidade igual de bolinhas de miolo de pão fresco. Embrulhe num lenço branco e faça o noivo levar com ele, no bolso interno de seu paletó, do lado esquerdo. Após a cerimônia, as bolinhas deverão ser postas em círculo ao redor da entrada de um formigueiro.
8. Poesia: Escreva uma poesia romântica, apaixonada, inspirada na lua, numa noite de lua cheia, após olhar por alguns instantes para ela. Espere, então, sete dias. E ofereça a poesia à pessoa amada.
9. Fotografia: Consiga uma fotografia da pessoa amada. Numa noite de luar, mergulhe essa fotografia num copo com água açucarada, deixando por sete dias.
10. Correntinha de São Jorge: Use por vinte e quatro horas uma correntinha de ouro ou de prata com uma medalhinha de São Jorge. A correntinha e a medalhinha devem ser novas, compradas por você. No dia seguinte, ofereça como um presente à pessoa amada
12. Maçã:Apanhe uma maçã e um pedacinho de papel branco. Escreva nesse papel o nome da pessoa amada. Faça um furo, o pedacinho de papel com o nome escrito. E tape esse buraco com mel e açúcar. Vá até um jardim público, coloque-se de costas e atire a maçã por sobre a cabeça. Retire-se sem olhar para trás. Não retorne a esse lugar durante sete dias.
13. Quem deseja descobrir o nome do futuro companheiro deve comprar um facão e, à meia-noite do dia 12 de junho, cravá-lo numa bananeira. O líquido que escorrer da planta deve formar a letra do futuro amor.
14. Uma das mais antigas tradições diz que, para descobrir o futuro companheiro, é preciso escrever os nomes dos candidatos em vários papéis. Um deles deve ser deixado em branco. À meia-noite do dia 12 de junho, eles devem ser colocados em cima de um prato com água, que passará a madrugada ao relento. No dia seguinte, o que estiver mais aberto indicará o escolhido. 15. Aqueles que têm pressa em arranjar um namorado devem comprar uma pequena imagem do santo. E para agilizar a conquista do pedido, fazer dois procedimentos: tirar o Menino Jesus do colo do religioso, dizendo que só devolverá quando conseguir um namorado, ou ainda, virar o Santo Antônio de cabeça para baixo.
16. O mais afoito tem ainda outro recurso. Deve ir a um casamento e dar de presente aos noivos uma imagem de Santo Antônio, sem o Menino Jesus. Depois, pedir no altar para se casar com alguém, especial ou não. Assim que a graça for alcançada, deve retornar à igreja e lá depositar a imagem do Menino Jesus.


17. Os que já estão acompanhados, mas ainda não subiram no altar, também possuem práticas específicas. A pessoa deve amarrar um fio de cabelo seu ao do namorado. Eles devem ser colocados aos pés do santo, que, logo, logo, resolve a questão. 18. À meia-noite do dia 12 de junho, quebre um ovo dentro de um copo com água e o coloque no sereno. No dia seguinte, interprete o desenho que se formou. Se aparecer algo semelhante a um vestido de noiva, véu ou grinalda, o casamento está próximo.
19. Para a pessoa saber se o futuro companheiro será jovem ou mais velho, é preciso arranjar um ramo de pimenteira. De olhos fechados, ela deve pegar uma das pimenteiras. Se a escolhida for verde, ele será jovem. Caso contrário, o casamento acontecerá com alguém de idade avançada.
20. A tradição popular acredita que há uma forma especial de fazer as pazes entre casais brigados. Para isso, é preciso um cravo e uma rosa. Os talos devem ser amarrados juntos com uma fita verde, na qual serão dados 13 nós. Durante o procedimento, o devoto deve pensar que Santo Antônio vai uni-los outra vez.
21. Para descobrir se falta muitos anos para a grande data, na véspera do dia 13 de junho, à meia-noite, amarre uma aliança – que pode ser de qualquer parente – numa linha ou num fio. Coloque um copo sobre a mesa e segure o fio de modo que a aliança esteja dentro do copo. Pergunte, então, quantos anos faltam para o casório. O número de batidas informa quantos anos ainda restam para o Dia D.
22. Leia durante nove dias, a partir de uma sexta-feira de Lua Cheia, o Cântico dos Cânticos da Bíblia, antes de dormir. Deixe um pires com mel na cabeceira de sua cama. Após a leitura, pense no tipo de pessoa que deseja encontrar e passe um pouco do mel nos lábios e no sexo.
23. Outra simpatia é pegar seu chinelo velho e, pregá-lo numa bananeira, com uma faca de ponta. Fazer isso na terceira noite da Lua Cheia.
24. Se deseja um homem rico como amante, deposite uma moeda num pires com mel e deixe na cabeceira de sua cama. Durante sete dias seguidos, quando for dormir, passar a moeda lambuzada de mel no seu sexo. Durante o dia, deixar o pires coberto com um pano vermelho. Fazer isso a partir do primeiro dia da Lua Cheia.
25. Lave todo corpo e a cabeça, às quatro da tarde, numa sexta-feira, em seguida enxágüe –se com água fervida com sete botões de rosa vermelha.
26. Deixe uma pimenta vermelha dentro de uma peça íntima sua e ponha sob o colchão, durante todo o período da Lua Crescente.
27. Enrole um lenço vermelho, num charuto, enquanto mentaliza a pessoa desejada, coloque-o dentro de uma peça íntima sua, prenda com sete fitas vermelhas e deixe numa encruzilhada, à meia-noite em ponto. Será difícil você se separar dessa pessoa , por isso só experimente esta simpatia depois das outras.
http://www.simpatias.org/2008/06/01/simpatias-para-o-dia-dos-namorados/

7 de fev de 2011

Lilith

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

Lilith


No folclore popular hebreu medieval, ela é tida como a primeira esposa de Adão, que o abandonou, partindo do Jardim do Éden por causa de uma disputa sobre igualdade dos sexos, chegando depois a ser descrita como um demônio.
De acordo com certas interpretações da criação humana em Gênesis, no Antigo Testamento, reconhecendo que havia sido criada por Deus com a mesma matéria prima, Lilith rebelou-se, recusando-se a ficar sempre em baixo durante as suas relações sexuais. Na modernidade, isso levou a popularização da noção de que Lilith foi a primeira mulher a rebelar-se contra o sistema patriarcal.
Assim dizia Lilith: ‘‘Por que devo deitar-me embaixo de ti? Por que devo abrir-me sob teu corpo? Por que ser dominada por ti? Contudo, eu também fui feita de pó e por isso sou tua igual.’’ Quando reclamou de sua condição a Deus, ele retrucou que essa era a ordem natural, o domínio do homem sobre a mulher, dessa forma abandonou o Éden.
Três anjos foram enviados em seu encalço, porém ela se recusou a voltar. Juntou-se aos anjos caídos onde se casou com Samael que tentou Eva ao passo que Lilith Tentou a Adão os fazendo cometer adultério. Desde então o homem foi expulso do paraíso e Lilith tentaria destruir a humanidade, filhos do adultério de Adão com Eva, pois mesmo abandonando seu marido ela não aceitava sua segunda mulher. Ela então perseguiria os homens, principalmente os adúlteros, crianças e recém casados para se vingar.
Após os hebreus terem deixado a Babilônia Lilith perdeu aos poucos sua representatividade e foi eliminada do velho testamento. Eva é criada no sexto dia, e depois da solidão de Adão ela é criada novamente, sendo a primeira criação referente na verdade a Lilith no Gênesis.

No período medieval ela era ainda muito citada entre as superstições de camponeses, como deixar um amuleto com o nome dos 3 anjos que a perseguiram para fora do Éden, Sanvi, Sansavi e Samangelaf para que ela não o matasse, assim como acordar o marido que sorrisse durante o sono, pois ele estaria sendo seduzido por Lilith.
A imagem de Lilith, sob o nome Lilitu, apareceu primeiramente representando uma categoria de demônios ou espíritos de ventos e tormentas na Suméria por volta de 3000 A.C. Muitos estudiosos atribuem a origem do nome fonético Lilith por volta de 700 A.C.
Ela é também associada a um demônio feminino da noite que originou na antiga Mesopotâmia. Era associada ao vento e, pensava-se, por isso, que ela era portadora de mal-estares, doenças e mesmo da morte. Porém algumas vezes ela se utilizaria da água como uma espécie de portal para o seu mundo. Também nas escrituras hebraicas (Talmud e Midrash) ela é referida como uma espécie de demônio.
Talvez dada a sua longa associação à noite, surge sem quaisquer precedentes a denominação screech owl, ou seja, como coruja, na famosa tradução inglesa da bíblia, na Bíblia KJV ou King James Version. Ali está escrito, em Isaías 34:14 que … the screech owl also shall rest there. É preciso salientar, comparativamente, que na renomada versão em língua portuguesa da bíblia, isto é, na tradução de João Ferreira de Almeida, esta passagem relata que … os animais noturnos ali pousarão, não havendo menção da coruja[1], como é freqüentemente, muito embora erroneamente, citado no Brasil (tratando-se de um claro exemplo da forte influência da cultura anglo-saxã no mundo lusófono atual).
Na Suméria e na Babilônia

ela ao mesmo tempo que era cultuada era identificada com os demônios e espíritos malignos. Seu símbolo era a lua, pois assim como a lua ela seria uma deusa de fases boas e ruins. Alguns estudiosos assimilam ela a várias deusas da fertilidade, assim como deusas cruéis devido ao sincretismo com outras culturas. A imagem mais conhecida que temos dela é a imagem que nos foi dada pela cultura hebraica, uma vez que esse povo foi aprisionado e reduzido à servidão na Babilônia, onde Lilith era cultuada, é bem provável que vissem Lilith como um símbolo de algo negativo. Vemos assim a transformação de Lilith no modelo hebraico de demônio. Assim surgiu as lendas vampíricas: Lilith tinha 100 filhos por dia, súcubus quando mulheres e íncubus quando homens, ou simplesmente lilims. Eles se alimentavam da energia desprendida no ato sexual e de sangue humano. Também podiam manipular os sonhos humanos, seriam os geradores das poluções noturnas. Mas uma vez possuído por uma súcubus, dificilmente um homem saía com vida.
Há certas particularidades interessantes nos ataques de Lilith, como o aperto esmagador sobre o peito, uma vingança por ter sido obrigada a ficar por baixo de Adão, e sua habilidade de cortar o pênis com a vagina segundo os relatos católicos medievais. Ao mesmo tempo que ela representa a liberdade sexual feminina, também representa a castração masculina.
Pensa-se que o Relevo Burney (ver alusões à coruja na reprodução do Relêvo de Burney, nesta página), um relevo sumério, represente Lilith;


muitos acreditam também que há uma relação entre Lilith e Inanna, deusa suméria da guerra e do prazer sexual.
Algumas vezes Lilith é associada com a deusa grega Hécate, "A mulher escarlate", um demônio que guarda as portas do inferno montada em um enorme cão de três cabeças, Cérbero. Hécate, assim como Lilith, representa na cultura grega a vida noturna e a rebeldia da mulher sobre o homem.
Nos dois últimos séculos a imagem de Lilith começou a passar por uma notável transformação em certos círculos intelectuais seculares europeus, por exemplo, na literatura e nas artes, quando os românticos passaram a se ater mais a imagem sensual e sedutora de Lilith (ver a reprodução do quadro Lilith de John Collier, pintada em 1892), e aos seus atributos considerados impossíveis de serem obtidos, em um contraste radical à sua tradicional imagem demoníaca, noturna, devoradora de crianças, causadora pragas,
depravação, homossexualidade e vampirismo (ver texto gnóstico na seção de links externos). Podendo ser citados também os nomes de Johann Wolfgang von Goethe, John Keats, Robert Browning, Dante Gabriel Rossetti, John Collier, etc…Lilith também é considerda um dos Arquidemônios símbolo da vaidade.


Lilith na cultura popular moderna

No fictício Livro de Nod, é aquela que ensina a Caim habilidades vampíricas.
Uma história em quadrinhos de Terror nos anos 1970, publicada em Krypta número ? reconta o mito de Lilith como ela tendo sido criada por Lúcifer, ao mesmo tempo que um anjo criava Eva. Adão então se via ante as duas mulheres, e Lilith pedia que ele matasse um coelho para demonstrar seu amor por ela, ao passo que ele recusava e preferia ficar com Eva. Lúcifer logrou então uma desprezada Lilith a beber duma água que a transformou numa demônia. Lilith, depois de um pacto, prometeu não fazer mal aos filhos de Adão. A história era narrada por cientistas da atualidade, que chegavam a conclusão, dado que a geração de Adão seria anterior a humanidade que agora existia (que segundo a ficção teria se originado dos símios de acordo com a Teoria da evolução das espécies de Darwin) não estaria protegida
contra os ataques de Lilith.
1181 Lilith é um asteróide.
Lilith na Astrologia moderna é o nome de um ponto correspondente ao apogeu da órbita lunar, ou seja, o ponto da órbita da lua aonde ela se encontra mais
distante da terra. Também chamada " Lua Negra ". Por ser um ponto vazio e não um astro propriamente dito, muitos astrólogos desconsideram sua interpretação em um mapa astral.
No livro O Sobrinho do Mago e O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa, da série As Crônicas de Nárnia, um ser conhecido como Jadis, a Feiticeira Branca diz ser descendente de Lilith, a primeira esposa de Adão.Aparece também em um dos episódios de Sandman de Neil Gaiman, junto com "outras mulheres de Adão".
Uma personagem do videogame Darkstalkers se chama Lilith Aensland, mas tem pouco (ou nada) a ver com a figura original.
No na franquia de jogo Persona Lilith é um dos personas possíveis de serem usados.
Uma personagem da série Digimon se chama Lilithmon.
Lilith (banda) é uma banda de rock Colombiana.
Lilith (DC Comics) é uma heroína da DC Comics. Apesar do nome, nada tem a ver com a figura mitológica.






Lilith (Marvel Comics) é uma vilã inimiga do Motoqueiro Fántasma.
No Anime Neon Genesis Evangelion, Lilith é considerado o 2º Anjo.
Em alguns volumes da série de jogos de videogames Final Fantasy, Lilith é um monstro da família das Lamias.
Lilith é constantemente citada em jogos de RPG, como Dungeons & Dragons, como uma criatura infernal e maligna.
No seriado de televisao Supernatural, Lilith era o primeiro demônio, representado por mulheres ou meninas. Ela é também o último dos 66 selos que impedem que Lucifer escapar do inferno. É forte e maldosa.
No Jogo Castlevania Aria of sorrow, Lilith é uma demônia, uma bela mulher nua com asas vermehas que suga sua alma enquanto sonha.
No romance Caim, do escritor português José Saramago, Lilith é a primeira amante do personagem-título.'
Na série Georgina Kincaid de Richelle Mead, Lilith é a rainha Succubus - Uma criatura que se alimenta da energia vital de um homem através de sexo.
No romance O Desejo de Lilith, do escritor brasileiro Ademir Pascale, Lilith é um demônio que tenta fugir do inferno.
No romance "Caçadores de Lendas 2 - O Inferno de Lilith" do escritor brasileiro Willame Francisco Costa Santos, Lilith é uma entidade que realiza desejos em troca de seu maior objetivo dominar o mundo dos mortais
No game de PC Diablo II LoD, Lilith é a boss de uma das áreas necessárias a serem completadas para chegar em Tristran, no evento secreto Pandemonium Event.
Na 2ª temporada da série True Blood, uma das personagens é chamada de Lilith por causa de seus "poderes".
No game de PC Grand Chase, Lilith é um Pet com aparencia de "Anjo Negro".
No game online de PC Lineage II Lilith é um boss.
No livro "A Batalha do Apocalipse" de Eduardo Spohr, Lilith aparece como a consorte de Lúcifer no inferno.
No filme "Gabriel - A Vingança de Um Anjo" Lilith é um dos 7 demônios que dominam o purgatório e gerente de uma casa noturna.
No filme Anjo Maldito Lilith é a personagem principal, um demônio capaz de se apoderar de corpos mortos que são reanimados pela medicina.
No filme Zombie Strippers, Lilith é uma stripper gótica, a segunda a virar zumbi.

20 de jan de 2011

cartas Psicografadas

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

PsicografiaData
Espírito coletivo28/11/2010
Sublime e perfeito equilíbrio28/11/2010
Amados Irmãos21/11/2010
A vida espiritual e a encarnada21/11/2010
Bendito seja, amigo servidor21/11/2010
Conheças a ti mesmo21/11/2010
Os olhos da alma é o coração21/11/2010
Abençoado seja o trabalho no bem15/11/2010
As sementes do bem15/11/2010
O medo04/10/2010
Recuperação04/10/2010
O trabalho04/10/2010
A luz é o destino04/10/2010
Falange de Frei Fabiano04/10/2010
Impaciência14/09/2010
Aos servidores de Jesus07/09/2010
Nova ordem04/09/2010
A vida não acaba com a morte04/09/2010
Sob a égide da reencarnação17/07/2010
Dissimulação12/06/2010
Etapas do Aprendiz da Doutrina12/06/2010
Sutileza da dourina30/05/2010
O amanhã04/05/2010
Chama de esperança29/03/2010
O homem de fé não está sozinho28/03/2010
A vida é um carrossel07/03/2010
A luz da lua20/02/2010
A Fé01/12/2009
Responsabilidade no trabalho20/08/2009
Mudança19/07/2009
O Socorro18/07/2009
O Semear08/07/2009
Mensagem do Alto23/06/2009
O Amor09/06/2009
Nossa Importância02/06/2009
Coragem04/05/2009
Ação17/02/2009
Acróstico21/11/2008
Motivação11/11/2008
Dorme,dorme11/11/2008
Apelo24/06/2008
Caminheiro18/06/2008
Irmãos18/06/2008
A mata está em festa19/06/2007
Sonho e trabalho24/04/2007
Alerta21/03/2007
A grandeza da Simplicidade13/03/2007
Dos desertos aos frutos13/03/2007
Saudação02/05/2006
Choro21/03/2006
O Bom Caminhar06/12/2005
Nós somos Deuses10/05/2005
O pensamento do homem26/04/2005
Mar, estupendo Mar!12/04/2005
Viva como se fosse o Último Momento05/04/2005
Meu Filho05/04/2005
Um Líder Espiritual sem Igual: João Paulo II05/04/2005
Chegou o Outono!22/03/2005
Minha Casa15/03/2005
Aqui estamos para crescimento espiritual01/02/2005
Deus e a Terra14/04/1998

união conjugal

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui
Se te encontras nas tarefas da união conjugal, recorda que ora a execução dos encargos em dupla é garantia de tua própria sustentação.
Dois associados no condomínio de responsabilidade na mesma construção.
Dois companheiros partilhando um só investimento.
--*--
Às vezes, depois dos votos de ternura e fidelidade, quando as promessas se encaminham para as realizações objetivas, os sócios de base da empresa familiar encontram obstáculos pela frente.
Um deles terá adoecido e falta no outro a tolerância necessária.
Surge a irritação e aparece a ressentimento.
Em outras ocasiões, o trabalho se amplia em casa e um deles foge à cooperação.
Surge o cansaço e aparece o desapreço.
Hoje --- queixas.
Adiante --- desatenções e lágrimas.
Amanhã --- rixas.
Adiante ainda --- amarguras e acusações recíprocas.
Se um dos responsáveis não se dispõe a compreender a validade do sacrifício, aceitando-o por medida de salvação do instituto doméstico, eis a união enferma ameaçando ruptura.
--*--
Nesse passo, costumam repontar do caminho laços e afinidades de existências do pretérito convidando esse ou aquele dos parceiros para uniões diferentes. E será indispensável muita abnegação para que os chefes da comunhão familiar não venham a desfazer, de todo, a união já enferma, partindo no rumo de novos ajustes afetivos.
--*--
Entende-se claro que o divórcio é lei humana que vem unicamente confirmar uma situação que já existe e que, se calamidades da alma pendem sobre a casa, não se dispõe de outra providência mais razoável para recomendar, além dessa. Entretanto, se te vês nos problemas de união enferma e, principalmente se tens crianças a proteger, tanto quanto se te faça possível, mantém o lar que edificaste com as melhores forças do espírito.
Realmente, os casamentos de amor jamais adoecem, mas nos enlaces de provação redentora, os cônjuges solicitaram, antes do berço terrestre, determinadas tarefas em regime de compromisso perante a Vida Infinita. E ante a Vida Infinita convém lembrar sempre que os nossos débitos não precisam de resgate, a longo prazo, pela contabilidade dos séculos, desde que nos empenhamos a solvê-los em tempo curto, pelo crediário da paciência, a serviço do amor.
  
Espírito : Emmanuel
Psicografia : Francisco Cândido Xavier
Livro : Caminhos de Volta - Pág. 62

9 de jan de 2011

CRISTAO DE VERDADE,DEVE OU NAO,JOGAR BARALHO ???

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

Tonynho:

As cartas de baralho foram criadas no ano de 1392 para uso pessoal do rei Carlos, da França, quando sofria de debilidade mental. O criador das cartas era um homem degenerado e mau, que escarnecia de Deus e seus mandamentos.
Para sua invenção maligna, escolheu figuras bíblicas, tais como: o rei representava o diabo, a dama, a Maria, mãe de Jesus. Assim, de modo blasfemo, fez Jesus o filho de satánas e de Maria.
Copas e ases representavam o sangue de Jesus; o valete, o próprio Jesus. Paus e outros símbolos representava as perseguições e destruição de todos os santos.
Seu desprezo pelos dez Mandamentos foi expresso pelo número dez de suas cartas. Eis um alerta oportuno quanto ao uso pernicioso dessas diabólicas cartas!

DEFINITIVAMENTE! O CRISTAO de verdade NAO deve jogar baralho.Existe um monte de outros jogos,que o ser humano pode distrair sua mente.Teria que ser justamente com aquele que foi feito para blasfemar e tentar ridicularizar a pessoa de JESUS ??? Responda pra si mesmo.
 visualizar o perfil de Tonynho

Sucot, a Festa das Cabanas

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

Sucot Sucot, a Festa das Cabanas, é celebrada no dia 15 ao dia 21 do mês judaico de Tishrei (geralmente outubro), e é uma das três festas de peregrinação, nas quais os judeus faziam a peregrinação para o Templo em Jerusalém.
A festa comemora as cabanas nas quais os israelitas viveram no deserto, depois do êxodo do Egito. A sucá é uma moradia temporária, geralmente com paredes de madeira ou tecido em, pelo menos, três dos seus quatro lados, e um teto feito de ramos de árvore (tradicionalmente usa-se folhagem de palmeiras) através do qual se pode ver o céu.
Sucot também é a festa da colheita, e é celebrada no outono, depois da colheita de verão e antes do plantio da safra do inverno. Um tema central nas orações da festa é a chuva: os fazendeiros agradecem a Deus pela colheita deste ano, e rezam por mais chuvas para o próximo ano.
O primeiro e último dias são particularmente festivos: o primeiro é um dia sagrado, um dia de descanso, quando não é permitido trabalhar, parecido com o shabat, de forma que a maior parte do comércio está fechada; o oitavo dia de sucot é chamado Shemini Atseret, é uma festa separada. Os dias intermediários são parecidos com os dias da semana.



Práticas da Festa
Construção da Sucá - a sucá (cabana) geralmente é decorada com várias frutas, recortes de papel e fotos. Há sucás construídas em quintais (ou varandas) de todos os judeus religisos, e também de muitos judeus seculares.
As quatro espécies - Estas são quatro tipos de plantas (palma de tamareira, ramos de mirta, ramos de salgueiro cidra) usadas nas bênçãos ditas todos os dias da festa, menos no shabat.
Informação Importante
Além dos dois dias de descanso, quando o comércio está fechado, os dias intermediários são dias meio-sagrados, e muitos negócios, especialmente escritórios, funcionam apenas pela manhã. Alguns negócios fecham durante toda a semana, e muitas famílias israelenses tiram férias nesta época do ano. 

Shavuot

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

Shavuot Celebrarás a festadas Semanas no início da colheita do trigo, e a festa da Colheita no fim do ano. (Êxodo 34.22)
Shavuot (literalmente, semanas), um dos três festivais judaicos de peregrinação (junto com a Páscoa e Sucót), marca o recebimento da Torá (os cinco livros de Moisés) no Monte Sinai. Esta festa é celebrada exatamente sete semanas depois do primeiro dia da Páscoa, que marca o êxodo em si.
Uma festa fundamentalmente agrícola, Shavuot é também chamada a Festa da Colheita e a Festa dos Primeiros Frutos com é referida em Números 28:26 e Êxodo 23:16, respectivamente), comemorando o costume de fazer oferendas no Templo Sagrado das primeiras frutas da colheita (Deuteronômio 26:1-11) e dos primeiros aninais nascidos nos rebanhos (Números 28:26-31). O aspecto agrícola da festa foi retido mesmo depois da destruição do Templo Sagrado: entre os símbolos desta festa estão as sete espécies com as quais a terra de Israel é abençoada - trigo, cevada, uvas, figos, romãs, azeitonas e tâmaras.
Shavuot está também conectada ao livro bíblico de Rute. Rute foi uma antepassada do Rei Davi, que faleceu em Shavuot. Como Rute se converteu ao judaísmo, ela aceitou ativamente a Torá, como o fez o povo judeu no Monte Sinai. Além disso, a história descrita no Livro de Rute se passa durante a colheita do trigo, por volta da época de Shavuot.
Na noite de Shavuot costuma-se comer laticínios. Depois da festiva ceita, muitos judeus religiosos seguem a tradição consagrada pelo tempo de estudar a Torá durante a noite toda, na sua sinagoga local. Então eles fazem a oração matinal na hora mais cedo permitida, simbolizando o entusiasmo do povo judeu por receber a Torá.
As orações matinais de Shavuot são marcadas por hinos especiais e leituras das escrituras, incluindo o Livro de Rute. Algumas comunidades decoram as suas sinagogas com plantas verdes e flores, refletindo as tradições que o Monte Sinais era m montanha verde e que Shavuot é o dia do julgamento para as árvores frutíferas. 

Pessach, ou Páscoa

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

Pessach Pessach, ou Páscoa, é uma festa judaica muito importante e representa uma das três festas de peregrinação, juntamente com Sucót (Festa dos Tabernáculos) e Shavuót (Pentecostes). Nestas três festas toda a população judaica faz uma peregrinação para o Templo Sagrado em Jerusalém.
A festa começa no 15o dia do mês hebraico de Nissan (geralmente abril), dura sete dias e comemora o êxodo do Egito. De acordo com a Torá (Livro Sagrado), os israelitas viveram no Egito, e foram escravizados pelos egípcios. Moisés se tornou o líder dos israelitas e pediu ao faraó que deixasse o seu povo ir. Quando o faraó recusou, Moisés liderou uma campanha que culminou na saída apressada do Egito.

Pessach é também chamado de festa da liberdade, e é este aspecto da festa que é enfatizado nos rituais e nas orações: o êxodo da escravidão à liberdade simboliza a redenção física e espiritual, e o desejo humano de ser livre.
Na véspera da festa, chamada de Noite do seder, a família se reuni para a refeição festiva, a cerimônia da festa. É também um importante preceito judaico convidar pessoas que não têm família com quem celebrar a festa.
Outro nome de Pessach é Festa dos Pães Ázimos. A história do êxodo do Egito relata que os israelitas deixaram o Egito com pressa, e a massa que prepararam não teve tempo de fermentar, então eles assaram a matzá, o pão ázimo. Um dos preceitos importantes desta festa é abster-se de comer levedura - qualquer alimento preparado com farinha e que fermentou, ou alimentos que contenham farinha. No lugar de pão, os judeus comem matzá.
Outro nome de Pessach é a festa da primavera, marcando a época do ano na qual Pessach é celebrado.
O primeiro e o último dia da festa são dias sagrados de descanso, nos quais todo trabalho produtivo é proibido. Os dias intermediários são chamados Chol ha-Mo'ed (dias intermediários, no qual a proibição quanto ao trabalho é menos rígorosa).

PRÁTICAS DA FESTA
Proibição de ingerir levedura - Durante a páscoa é proibido ingerir levedura - chametz – em lembrança a matzá que os israelitas comeram na sua jornada apressada na saída do Egito. A proibição inclui todos os tipos de pão e alimentos feitos de massa de farinha assada, e também todos os tipos de massa.
Comer matzá - Matzá é o pão ázimo. Além da refeição cerimonial do Seder, comer matzá não é obrigatório, mas para a maior parte das famílias judaicas está é a alternativa aceitável para o pão durante a festa.
Biur chametz - a exterminação da levedura - Nas semanas antes de Pessach os judeus costumam limpar cuidadosamente ---- suas casas, para eliminar todos os traços de chametz. Depois do anoitecer, na tarde antes de começar Pessach, os judeus praticantes buscam em todos os cantos da casa, com luz de vela, para terem certeza de que não há migalhas em lugar algum. O Estado de Israel, no papel do representante do povo judeu, geralmente vende todo o chametz de Israel para um não judeu, a um preço simbólico (e compra novamente imediatamente depois da festa).
O Seder - Esta é uma refeição cerimonial comprida, na primeira noite da páscoa judaica. A família se junta em torno da mesa para o Seder - a leitura da Hagadá e a refeição da festa. A Hagadá contém passagens relevantes da Bíblia, da Mishna (a compilação das tradições orais na lei religiosa judaica), comentários e canções. A Hagadá é lida para passar a diante a tradição de Pessach, de uma geração à próxima. Os rituais durante o Seder são simbólicos, como comer matzá e ervas amargas, beber quatro taças de vinho, cantar juntos e, é claro, a grande refeição.
Afikoman - Para encorajar as crianças a ficarem acordadas durante o Seder costuma-se esconder um pedaço especial de matzá, chamado Afikoman, em algum lugar da casa, e as crianças devem encontrá-lo. Quem encontrar geralmente ganha um prêmio.


INFORMAÇÃO IMPORTANTE
Quase todo o comércio israelense está fechado no primeiro e no último dia de Pessach. Nos dias intermediários (Chol ha-Mo'ed) muitos escritórios e negócios só abrem pela manhã, e muitas famílias israelenses saem de férias ou fazem passeios fora da cidade.
A maior parte dos restaurantes israelenses observa as leis de comida casher em Pessach, e muitos lugares oferecem alternativas chasher para Pessach, ao invés dos alimentos comuns. Nos últimos anos, especialmente na área de Tel Aviv, Pessach tem sido observado de forma menos rigorosa nos restaurantes, e é possível encontrar lugares que servem pão, bolo e massas. Atenção: cerveja não é casher para Pessach.

 

4 de jan de 2011

FAZER O BEM SEM OSTENTAÇÃO

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

O Centro Espírita Kardecista No Caminho Da Luz vem apresentar as Questões Constantes no Livro dos Espíritos:

95. O envoltório semimaterial do Espírito tem formas determinadas e pode ser perceptível?

- Sim, uma forma ao arbítrio do Espírito, e é assim que ele aparece algumas vezes, seja nos sonhos, seja no estado de vigília, podendo tomar uma forma visível e mesmo palpável.


O Centro Espírita Kardecista No Caminho Da Luz vem apresentar O Evangelho Segundo o Espiritismo:

CAPÍTULO XIII

NÃO SAIBA A VOSSA MÃO ESQUERDA O QUE DÊ
A VOSSA MÃO DIREITA

Fazer o bem sem ostentação. Os infortúnios ocultos. Óbolo da viúva. Convidar os pobres e os estropiados. Dar sem esperar retribuição. Instruções dos Espíritos: A caridade material e a caridade moral. A beneficência. A piedade. Os órfãos. Benefícios pagos com a ingratidão. Beneficência exclusiva.

FAZER O BEM SEM OSTENTAÇÃO


1. Tende cuidado em não praticar as boas obras diante dos homens, para serem vistas, pois, do contrário, não recebereis recompensa de vosso Pai que está nos céus. Assim, quando derdes esmola, não trombeteeis, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para serem louvados pelos homens. Digo-vos, em verdade, que eles já receberam sua recompensa. Quando derdes esmola, não saiba a vossa mão esquerda o que faz a vossa mão direita, a fim de que a esmola fique em segredo, e vosso Pai, que vê o que se passa em segredo, vos recompensará. (S. MATEUS, cap. VI, vv. 1 a 4.)

2. Tendo Jesus descido do monte, grande multidão o seguiu. Ao mesmo tempo, um leproso veio ao seu encontro e o adorou, dizendo: Senhor, se quiseres, poderás curar-me. Jesus, estendendo a mão, o tocou e disse: Quero-o, fica curado, no mesmo instante desapareceu a lepra. Disse-lhe então Jesus: abstém-te de falar disto a quem quer que seja, mas, vai mostrar-te aos sacerdotes e oferece o dom prescrito por Moisés, a fim de que lhes sirva de prova. (S. MATEUS, cap. VIII, vv. 1 a 4.)

3. Fazer o bem sem ostentação é um grande mérito, ocultar a mão que dá ainda mais meritório, constitui marca incontestável de grande superioridade moral, porquanto, para encarar as coisas de mais alto do que o faz o vulgo, mister se torna abstrair da vida presente e identificar-se com a vida futura, numa palavra, colocar-se acima da Humanidade, para renunciar à satisfação que advém do testemunho dos homens e esperar a aprovação de Deus. Aquele que prefere ao de Deus o sufrágio dos homens prova que mais fé deposita nestes do que na Divindade e que mais valor dá à vida presente do que à futura. Se diz o contrário, procede como se não cresse no que diz. Quantos há que só dão na esperança de que o que recebe irá bradar por toda a parte o benefício recebido! Quantos os que, de público, dão grandes somas e que, entretanto, às ocultas, não dariam uma só moeda! Foi por isso que Jesus declarou: "Os que fazem o bem ostentosamente já receberam sua recompensa." Com efeito, aquele que procura a sua própria glorificação na Terra, pelo bem que pratica, já se pagou a si mesmo, Deus nada mais lhe deve, só lhe resta receber a punição do seu orgulho.

Não saber a mão esquerda o que dá a mão direita é uma imagem que caracteriza admiravelmente a beneficência modesta. Mas, se há a modéstia real, também há a falsa modéstia, o simulacro da modéstia. Há pessoas que ocultam a mão que dá, tendo, porém, o cuidado de deixar aparecer um pedacinho, olhando em volta para verificar se alguém não o terá visto ocultá-la. Indigna paródia das máximas do Cristo! Se os benfeitores orgulhosos são depreciados entre os homens, que não será perante Deus? Também esses já receberam na Terra sua recompensa. Foram vistos, estão satisfeitos por terem sido vistos. E tudo o que terão.

E qual poderá ser a recompensa do que faz pesar os seus benefícios sobre aquele que os recebe, que lhe impõe, de certo modo, testemunhos de reconhecimento, que lhe faz sentir a sua posição, exaltando o preço dos sacrifícios a que se vota para beneficiá-lo? Oh! para esse, nem mesmo a recompensa terrestre existe, porquanto ele se vê privado da grata satisfação de ouvir bendizer-lhe do nome e é esse o primeiro castigo do seu orgulho. As lágrimas que seca por vaidade, em vez de subirem ao Céu, recaíram sobre o coração do aflito e o ulceraram. Do bem que praticou nenhum proveito lhe resulta, pois que ele o deplora, e todo benefício deplorado é moeda falsa e sem valor.

A beneficência praticada sem ostentação tem duplo mérito. Além de ser caridade material, é caridade moral, visto que resguarda a suscetibilidade do beneficiado, faz-lhe aceitar o benefício, sem que seu amor-próprio se ressinta e salvaguardando-lhe a dignidade de homem, porquanto aceitar um serviço é coisa bem diversa de receber uma esmola. Ora, converter em esmola o serviço, pela maneira de prestá-lo, é humilhar o que o recebe, e, em humilhar a outrem, há sempre orgulho e maldade. A verdadeira caridade, ao contrário, é delicada e engenhosa no dissimular o benefício, no evitar até as simples aparências capazes de melindrar, dado que todo atrito moral aumenta o sofrimento que se origina da necessidade. Ela sabe encontrar palavras brandas e afáveis que colocam o beneficiado à vontade em presença do benfeitor, ao passo que a caridade orgulhosa o esmaga. A verdadeira generosidade adquire toda a sublimidade, quando o benfeitor, invertendo os papéis, acha meios de figurar como beneficiado diante daquele a quem presta serviço. Eis o que significam estas palavras: "Não saiba a mão esquerda o que dá a direita."

atenciosamente

Centro Espírita Kardecista no Caminho da Luz

Repasse aos seus familiares e amigos

Frequente o Seu Centro Espírita

18 de dez de 2010

CUIDADO COM OS DEMONIOS NO ASTRAL

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

CUIDADO COM OS DEMONIOS NO ASTRAL

Muito se tem falado em viagens astrais, os exercicios e tecnicas, mas vejo pouca coisa relacionada com encontros desagradaveis nessa dimensão. Lembrando que nessa dimensão vivem os desencarnados, demonios iniciantes, entidades do candomble e tudo quando é porcaria espiritual. O que separa o nosso mundo fisico do astral é apenas a vibração. Vejo relatos de pessoas que ficam paralizadas, não conseguem se mexer e as vezes nem respirar. Isso pode ser causado pelo momento da saida em astral, como tb pode ser causado por um demonio. Justamente no momento da saida em astral, nosso corpo e alma ficam vulneraveis naquele momento exato da desconexão. É ai que ta o perigo, é nesse momento que esta o risco, pois nesse instante nosso corpo vital fica totalmente desprotegido o que é um prato cheio para demonios. Muitas vezes somos atacados nesse momento e a caracteristica desse ataque é a imobilidade do corpo, uma pressão sobre o peito que muitas vezes nos impossibilita de respirar. As pessoas mais sensiveis podem escutar alguns ruidos baixos instantes antes. O famoso "pesadelo" que muitas pessoas tem, caracterizado por esses sintomas, nada mais é do que um ataque demoniaco. Vale dizer que esses demonios, são entidades iniciantes, por isso não dispoem de muita força, muitas vezes são larvas astrais em busca de energia vital. Dificilmente um demonio poderoso ira perder o seu tempo com isso.

10 de dez de 2010

O Segredo da Maçonaria (RELATO)

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

postado em: Testemunhos de Fé
 
http://www.igrejainternacional.com/2009/06/o-segredo-da-maconaria/
User-agent: Mediapartners-Google* Disallow:
Depois que meu pai morreu eu perdi totalmente a fé em Jesus, parei de ir na Assembléia de Deus e me envolvi com uma galera da pesada. Todos os dias eu ia num barzinho e tomava cerveja Antárctica e comia espetinho de coração de frango, frango com bacon, asinha de frango, lingüiça, alcatra, quitute, caninha ypioca, et cetera.
Foi aí que conheci o Lucrésio, um cigano que freqüentava o mesmo bar, todos os dias lá pelas 18 horas. Um dia estávamos conversando sobre religião. Quando questionei a dele, sorriu com aqueles dentes de ouro, levantou-se da cadeira, sacou um punhal de prata cravado de diamantes e empunhando-o em riste bradou:
- Eu sou Maçom !
Neste momento, todos no boteco ficaram assustados, alguns até sairam. Por curiosidade, perguntei pra ele como eu ingressava nesta sociedade secreta (Tinha ouvido falar que existia um segredo). Ele me respondeu que bastava ir numa reunião com ele e alguns seriam escolhidos pra entrar.
Primeira reunião, era com os novatos. A igreja deles se chama ‘Loja’. Chegamos lá na loja, muito bem organizada por sinal, tinham umas cadeiras organizadas em círculo, nos sentamos e o ‘Arquiteto’ como era chamado começou a introdução e ensinou os preceitos básicos da fraternidade maçônica: Adquirir poder econômico, Força Política e Acabar com o Cristianismo.
Naquela época eu estava com raiva de Deus, por ter levado meu pai, e acabei me envolvendo mais e mais nesta sociedade, até que chegou o dia de minha iniciação. Eu ainda estava por descobrir o segredo da maçonaria. Cheguei na Loja, Lucrésio estava lá pra me receber. Entramos na sala principal e em seguida numa outra sala que eu nunca havia visto, ele então abriu um alçapão oculto sob o tapete, que levava à câmara secreta no sub-solo. Estava escuro, Lucrézio acendeu as velas vermelhas e pude ver então, a sala estava repleta de membros vestidos com uma túnica preta, encapuzados, no centro um círculo com um pentagrama e uma representação de um bode. Fui surpreendido por dois membros me segurando violentamente. Fui despido e me prenderam num cavalete medieval pela cabeça e braços. As pernas foram trancafiadas por uma pesada corrente. Fiquei imóvel, nu, rodeado de maçons e sem saber o que estava ocorrendo. Ao falar, tive a boca cerrada por uma fita isolante silvertape.
Foi aí que deram iniciação ao ritual. Neste momento perdi a minha hombridade, sofri a maior humilhação que um homem pode sofrer. Os membors começaram despir-se de seus trajes de rito e um por um me penetrou analmente, após terminado o ritual, retiraram a minha mordaça e disseram:
- Agora você irá negar Cristo por três vezes.
Respondi:
- Jamais !
E instantaneamente recebi uma chicotada nas nádegas, escorreram lágrimas em meus olhos. Resisti até onde um ser humano pode. Mas a dor era insuportável e neguei Cristo três vezes. Neste momento não havia mais Deus em meu coração.
Quando terminaram a sessão de sodomia e espancamento eu só pensava em morrer. Foi aí que o Grão Mestre apareceu e disse: Este é o segredo dos Maçons! Agora você é um de nós! Soltem-no!
Ainda dolorido e desesperado questionei ao grão mestre:
- O segredo da maçonaria é ser enrabado ?
Ele riu-se e disse que sim, mas que agora eu era um integrante e poderia enrabar os novos membros. Em seguida me deu um livro. Era a Bíblia do Diabo, escrito por Aleister Crowley, ele disse que ali estava tudo o que eu precisava saber e amanhã eu podia entrar no meu novo emprego, um cargo comicionado na prefeitura da cidade. Eu iria receber 5 salários mínimos. Isso me deixou dividido, pois a agressão que eu havia sofrido me fez ter vontade de matar todos ali, mas aquele salário podia mudar minha vida pra melhor. Então por causa de minha ganância e vaidade, acabei aceitando este emprego na prefeitura e me tornei um membro integrante da maçonaria.
Por 2 longos anos, trabalhei na prefeitura de minha cidade. Com este novo salário pude comprar meu primeiro carro, dar entrada na minha casa própria, comprar televisão de 29 polegadas, som, computador, internet. Mudei de vida, saí daquela pobreza. Mesmo com isso tudo sentia um vazio no peito e que faltava algo em mim, e aquela noite em que fui violado ainda me assombrava. Eu ainda ia em todas as reuniões venerar Satã. Iam até subir de ranking, tornar-me-ia um engenheiro. Gostava das iniciações e tal, mas meu coração me mostrava que não era aquilo que eu queria.
Certo noite sonhei novamente com a noite em que sofri os abusos de pederastia. Acordei suado em prantos, peguei minha velha agenda e telefonei para o pastor Silas, da Assembléia de Deus, pedi desculpas por acordá-lo e pedi que ele fosse até minha casa, pois eu precisava desabafar com ele.
Ele é um homem muito bondoso, prontamente chegou em casa e perguntou o que me aflingia. Contei toda a história pra ele, e contei que havia negado Cristo. Ele me contou que apesar de eu ter negado Cristo ele não havia me negado e eu ainda era filho dele. E que eu precisava buscar o perdão de Deus para encontrar a verdadeira salvação. Depois de receber esta revelação, senti meu coração se encher de amor em Cristo novamente, e me arrependi amargamente de tudo que havia feito.
No dia seguinte, fui até a loja para me desligar completamente daquela instituição maligna chamada Maçonaria, mas não foi tão simples como pensei. O Grão Mestre me chamou para sua sala particular e me disse rindo:
- Ninguém sai da maçonaria. Só morto !
- Então me mate! – respondi retirando a sagrada bíblia do bolso!
Ao empunhar a bíblia, o Grão Mestre revelou sua verdadeira face. Num movimento de repulsa ele grunhiu e pude ver suas presas e seus olhos em braza.
- Agora eu sou de Cristo novamente ! Aqui você não manda, Satanás ! Vade-Retro !
O Grão Mestre tão imponente rastejou pela sala, foi a última vez que adentrei naquele recinto imundo.
A partir daí, dediquei minha vida somente ao Senhor para redimir todo mal que eu havia causado.
Hoje sou um respeitado pastor na Assembléia de Deus e ministro cultos das 18 às 20 horas todas as quarta-feiras.

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Marcadores

Follow by Email

Recent Posts

Postagens populares

Minha lista de blogs