pesquisa magos da luz

Pesquisa personalizada
-------------------
Mostrando postagens com marcador Autoestima feminina. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Autoestima feminina. Mostrar todas as postagens

5 de mar de 2012

Quem eu era na vida passada. saiba aqui

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

Para fazer uma regressão a vidas passadas, deve-se escolher um local calmo e silencioso, que proporcione tranquilidade e, acima de tudo, num horário que você tenha certeza de que ninguém venha te incomodar.
Telefone, celular, campainha, interforne, despertadores e relógios são sem dúvida os piores inimigos de sua vida num teste das vidas passadas ou como você preferi chamar de  exercício para lembrar quem eu fui na vida passada, enfim, para fazer uma regressão ou mesmo iniciar na terapia de vidas passadas TVP precisa de isolamento.

Onde fazer a Regressão a Vidas Passadas


O seu quarto é seu laboratório, mas você não deve usar sua cama, haja vista seu corpo está acostumado a dormir sempre  que relaxa ali. Então, você deve se esforçar para ter uma poltrona confortável, que proporcione um relaxamento sem incômodos físicos. Este móvel é fundamental para seu sucesso.
Se você possui uma sala exclusiva ou escritório em casa, melhor ainda, pois pode decorar com cores , decoração, elementos que auxiliem no seu trabalho interior.
Você não deve fazer regressão com pessoa próxima de você ou dentro do seu recinto, seja ela quem for, pois a aura dela vai interferir nas imagens que aparecerão na sua mente, e sofrerão influência daquela pessoa.

Quem eu era na vida passada

Você não foi ninguém diferente do que você é, e não foi ninguém melhor ou pior do que já é. Tudo que você é agora é resultado do que você foi.
Seu carater, sua personalidade, seus conhecimentos inerentes, suas habilidades etc, tudo isto foi herdado do seu passado. O que muda são alguns aspectos de aparência física, culturais etc, e à medida que o tempo passa, mais você abandona aquilo que foi legado de sua família  para focar na sua individualidade.
Por exemplo, se você no passado foi um matemático, nesta vida terá facilidade com os números,  suas inclinações serão fortemente para exatas e provavelmente se encaixará perfeitamente nesta área. Se foi uma prostituta, mesmo que nesta vida venha se converter em uma freira ou padre, conhecerá seus impulsos e pensamentos.
Espero que estas dicas tragam você à realidade, as exceções são mínimas.

3 de mar de 2012

adventista

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

Os Adventistas do Sétimo Dia aceitam a Bíblia como seu único credo e mantêm certas crenças fundamentais como sendo o ensino das Escrituras Sagradas. Estas crenças, da maneira como são apresentadas aqui, constituem a compreensão e a expressão do ensino das Escrituras por parte da Igreja. Logo abaixo confira todas as 27 doutrinas.
01| As Escrituras Sagradas
As Escrituras Sagradas, o Antigo e Novo Testamento, são a Palavra de Deus escrita, dada por inspiração divina por intermédio de santos homens de Deus que falaram e escreveram ao serem movidos pelo Espírito Santo. Nesta Palavra, Deus transmitiu ao homem o conhecimento necessário para salvação. As Escrituras Santas são a infalível revelação de Sua vontade.Constituem o padrão de caráter, o prova de experiência, o autorizado revelador de doutrinas e o registro fidedigno dos atos de Deus na História.
Razões Bíblicas|2 Pedro 1:20, 21; 2 Tim. 3:16, 17; Sal. 119:105; Prov. 30:5, 6; Isa. 8:20; João 17:17; 1 Tess. 2:13; Heb. 4:12
02| A Trindade
Há um só Deus: Pai, Filho, e Espírito Santo, uma unidade de três Pessoas coeternas. Deus é imortal, onipotente, onisciente, acima de tudo e sempre presente. Ele é infinito e além da compreensão humana, mas é conhecido por meio de Sua auto-revelação. Para sempre é digno de culto, adoração, e serviço por parte de toda criação.
Razões Bíblicas|Deut. 6:4; Mat. 28:19; 2 Cor. 13:14; Efé. 4:4-6; 1 Pedro 1:2; 1 Tim. 1:17; Apoc.. 14:7
03| Deus Pai
Deus, o Eterno Pai, é o Criador, o Originador, o Mantenedor e o Soberano de toda a criação. Ele é justo e santo, compassivo e clemente, tardio em irar-se, e grande em cosntante amor e fidelidade. As qualidades e poderes manifestos no Filho e o Espírito Santo também constituem revelações do Pai.
Razões Bíblicas|Gen. 1:1; Apoc. 4:11; 1 Cor. 15:28; João 3:16; 1 João 4:8; 1 Tim. 1:17; Ex. 34:6, 7; John 14:9
04| Deus Filho
Deus, o Filho Eterno, encarnou-Se em Jesus Cristo. Por meio dEle foram criadas todas as coisas, é revelado o caráter de Deus, efetuada a salvação da humanidade e julgado o mundo. Sendo paara sempre verdadeiramente Deus, Ele se tornou também verdadeiramente homem, Jesus, o Cristo. Ele foi concebido do Espírito Santo e nasceu da virgem a Maria. Viveu, e experimentou a tentação como um ser humano, mas exemplificou perfeitamente a justiça e o amor de Deus. Por Seus milagres manifestou o poder de Deus e atestou que era o Messias prometido por Deus. Sofreu e morreu voluntariamente na cruz por nossos pecados e em nosso lugar, foi ressuscitado dentre os mortos e ascendeu para ministrar no santuário celestial em nosso favor. Virá outra vez, em glória, para o livramento final de Seu povo e a restauração de todas as coisas.
Razões Bíblicas|João 1:1-3, 14; Col. 1:15-19; João 10:30; 14:9; Rom. 6:23; 2 Cor. 5:17-19; João 5:22; Lucas 1:35; Filip. 2:5-11; Heb. 2:9-18; 1 Cor. 15:3, 4; Heb. 8:1, 2; João 14:1-3
05| Deus Espírito Santo
Deus, o Espírito Santo, desempenhou uma parte ativa com o Pai e o Filho na Criação, Encarnação e Redenção. Inspirou os escritores das Escrituras. Encheu de poder a vida de Cristo. Atrai e convence os seres humanos; e os que se mostram sensíveis são renovados e trasnformados por Ele, à imagem de Deus. Enviado pelo Pai e pelo Filho para estar sempre estar com Seus filhos, Ele concede dons espirituais à igreja, habilita a dar testemunho de Cristo e, em harmonia com as Escrituras, guia-a em toda a verdade.
Razões Bíblicas|Gen. 1:1, 2; Lucas 1:35; 4:18; Atos 10:38; 2 Pedro 1:21; 2 Cor. 3:18; Efé. 4:11, 12; Atos 1:8; João 14:16-18, 26; 15:26, 27; 16:7-13
06| A Criação
Deus é o Criador de todas as coisas, e revelou nas Escrituras o relato autêntico da Sua atividade criadora."Em seis dias fez o Senhor os Céu e a Terra" e tudo que tem vida sobre a Terra, e descansou no sétimo dia dessa primeira semana. Assim Ele estabeleceu o sábado como perpétuo monumento comemorativo de Sua esmerada obra criadora. O primeiro homem e mulher foram formados à imagem de Deus como obra-prima da Criação, foi-lhes dado domínio sobre o mundo e atribuiu-lhes a responsabilidade de cuidar dele. Quando o mundo foi concluído, ele era "muito bom", proclamando a glória de Deus.
Razões Bíblicas|Gen. 1; 2; Ex. 20:8-11; Sal. 19:1-6; 33:6, 9; 104; Heb. 11:3
07| A Natureza do Homem
O homem e a mulher foram formados à imagem de Deus com individualidade, o poder e a liberdade de pensar e agir. Conquanto tenham sido criados como seres livres, cada um é uma unidade indivisível de corpo, mente e alma, e dependente de Deus quanto à vida, respiração e tudo o mais. Quando os nossos primeiros pais desobedeceram a Deus, eles negaram sua dependência dEle e caíram de sua elevada posição abaixo de Deus. A imagem de Deus, neles, foi desfigurada, e tornaram-se sujeitos à morte. Seus descendentes partilharam dessa natureza caída e de suas conseqüências. Eles nascem com fraquezas e tendências para o mal. Mas Deus, em Cristo, reconciliou consigo o mundo e por meio de Seu Espírito restaura nos mortais penitentes a imagem de seu Criador. Criados para a glória de Deus, eles são chamados para amá-Lo e uns aos outros, e para cuidar de seu ambiente.
Razões Bíblicas|Gên. 1:26-28; 2:7; Sal. 8:4-8: Atos 17:24-28; Gên. 3; Salm. 51:5; Rom. 5:12-17; II Cor. 5:19 e 20
08| O Grande Conflito
Toda a humanidade está agora envolvida num grande conflito entre Cristo e Satanás, quanto ao caráter de Deus, Sua lei e Sua soberania sobre o Universo. Este conflito originou-se no Céu quando um ser criado, dotado de liberdade de escolha, por exaltação própria tornou-se Satanás, o adversário de Deus, e conduziu à rebelião uma parte dos anjos. Ele introduziu o espírito de rebelião neste mundo, ao induzir Adão e Eva em pecado. Este pecado humano resultou na deformação da imagem de Deus na humanidade, no transtorno do mundo criado e em sua conseqüente devastação por ocasião do dilúvio mundial. Observado por toda a criação, este mundo tornou-se palco do conflito universal, dentro do qual será finalmente vindicado o Deus de amor. Para ajudar Seu povo nesse conflito, Cristo envia o Espírito Santo e os anjos leais, para os guiar, proteger e amparar no caminho da salvação.
Razões Bíblicas|Apoc. 12:4-9; Isa. 14:12- 14; Ezeq. 28:12-18; Gên. 6-8; II Ped. 3:6; Rom. 1:19-32; 5:19-21; 8:19-22; Heb. 1:4-14; I Cor. 4:9
09| Vida, Morte e Ressurreição de Cristo
Na vida de Cristo, de perfeita obediência à vontade de Deus, e em Seu sofrimento, morte e ressurreição, Deus proveu o único meio de expiação do pecado humano, de modo que os que aceitam esta expiação pela fé possam ter vida eterna, e toda a criação compreenda melhor o infinito e santo amor do Criador. Esta expiação perfeita vindica a justiça da lei de Deus e a benignidade de Seu caráter; pois ela não somente condena o nosso pecado, mas também garante o nosso perdão. A morte de Cristo é substituinte e expiatória, reconciliadora e transformadora. A ressurreição de Cristo proclama a vitória de Deus sobre as forças do mal, e assegura a vitória final sobre o pecado e a morte para os que aceitam a expiação. Ela proclama a soberania de Jesus Cristo, diante do qual se dobrará todo joelho, no Céu e na Terra.
Razões Bíblicas|S. João 3:16; Isa. 53; II Cor. 5:14, 15 e 19-21; Rom. 1:4; 3:25; 4:25; 8:3 e 4; Filip. 2:6-11; I S. João 2:2; 4:10; Col. 2:15
10| A Experiência da Salvação
Em infinito amor e misericórdia, Deus fez com que Cristo, que não conheceu pecado, Se tornasse pecado por nós, para que nEle fôssemos feitos justiça de Deus. Guiados pelo Espírito Santo, sentimos nossa necessidade, reconheçamos nossa pecaminosidade, arrependemo-nos de nossas transgressões e temos fé em Jesus como Senhor e Cristo, como Substituto e Exemplo. Esta fé que aceita a salvação advém do divino poder da Palavra e é o dom da graça de Deus. Por meio de Cristo somos justificados, adotados como filhos e filhas de Deus e libertados do domínio do pecado. Por meio do Espírito, nascemos de novo e somos santificados; o Espírito renova nossa mente, escreve a lei de Deus, a lei de amor, em nosso coração, e recebemos o poder para levar uma vida santa. Permanecendo nEle, tornamo-nos participantes da natureza divina e temos a certeza de salvação agora e no Juízo.
Razões Bíblicas|Sal. 27:1; Isa. 12:2; Jonas 2:9; S. João 3:16; II Cor. 5:17-21: Gál. 1:4; 2:19 e 20; 3:13; 4:4-7; Rom. 3:24-26; 4:25; 5:6-10; 8:1-4, 14, 15, 26 e 27; 10:7; I Cor. 2:5; 15:3 e 4; I S. João 1:9; 2:1 e 2; Efés. 2:5-10; 3:16-19; Gál. 3:26; S. João 3:3-8; S. Mat. 18:3; I S. Ped. 1:23, 2:21; Heb. 8:7-12
11| A Igreja
A Igreja é a comunidade de crentes que confessam a Jesus Cristo com Senhor e Salvador. Em continuidade do povo de Deus nos tempos do Velho Testamento, somos chamados para fora deste mundo; e nos unimos para prestar culto para comunhão, para instrução na Palavra, para a celebração da Ceia do Senhor, para serviço a toda humanidade e para a proclamação mundial do evangelho. A igreja recebe sua autoridade de Cristo, o qual é a Palavra encarnada, e das Escrituras, que são a Palavras escrita. A Igreja é a família de Deus; adotados por Ele como filhos, seus membros vivem com base no novo concerto. A Igreja é o corpo de Cristo, uma comunidade de fé, da qual o próprio Cristo é a Cabeça. A Igreja é a Noiva pela qual Cristo morreu para que pudesse santificá-la e purificá-la. Em Sua volta triunfal, Ele a apresentará a Si mesmo Igreja gloriosa, os fiéis de todos os séculos, a aquisição de Seu sangue, sem mácula, nem ruga, porém santa, sem defeito.
Razões Bíblicas|Gên. 12:3; Atos 7:38; S. Mat. 21:43; 16:13-20; S. João 20:21 e 22; Atos 1:8; Rom. 8:15-17; I Cor. 12:13-27; Efés. 1:15 e 23; 2:12; 3:8-11 e 15; 4:11-15
12| O Remanescente e Sua Missão
A Igreja universal se compõe de todos os que verdadeiramente crêem em Cristo; mas, nos últimos dias, um tempo de ampla apostasia, um remanescente tem sido chamado para fora a fim de guardar os mandamentos de Deus e a fé em Jesus. Este remanescente anuncia a chegada da hora do Juízo, proclama a salvação por meio de Cristo e prediz a aproximação de Seu segundo advento. Esta proclamação é simbolizada pelos três anjos do Apocalipse 14; coincide com a obra do julgamento no Céu e resulta numa obra de arrependimento e reforma na Terra. Todo crente é convidado a ter uma parte pessoal neste testemunho mundial.
Razões Bíblicas|S. Mar. 16:15; S. Mat. 28:18-20; 24:14; II Cor. 5:10; Apoc. 12:17; 14:6-12; 18:1-4; Efés. 5:22-27; Apoc. 21:1-14)
13| Unidade no Corpo de Cristo
A Igreja é um corpo com muitos membros, chamados de nação, tribo, língua e povo. Em Cristo somos uma nova criação; distinções de raça, cultura e nacionalidade, e diferenças entre altos e baixos, ricos e pobres, homens e mulheres, não deve ser motivo de dissenções entre nós. Todos somos iguais em Cristo, o qual por um só Espírito nos uniu numa comunhão com Ele e uns com os outros; devemos servir e ser servidos sem parcialidade ou restrição. Mediante a revelação de Jesus Cristo nas Escrituras partilhamos a mesma fé e esperança e estendemos um só testemunho para todos. Esta unidade encontra sua fonte na unidade do Deus triúno, que nos adotou como Seus filhos.
Razões Bíblicas|Sal. 133:1; I Cor. 12:12-14; Atos 17:26 e 27; II Cor. 5:16 e 17; Gál. 3:27-29; Col. 3:10-15; Efés. 4:1-6; S. João 17:20-23; S. Tiago 2:2-9; I S. João 5:1
14| O Batismo
Pelo batismo confessamos nossa fé na morte e ressurreição de Jesus Cristo, e atestamos nossa morte para o pecado e nosso propósito de andar em novidade de vida. Assim reconhecemos a Cristo como Senhor e Salvador, tornamo-nos Seu povo e somos aceitos como membros por Sua Igreja. O batismo é um símbolo de nossa união com Cristo, do perdão de nossos pecados e de nosso recebimento do Espírito Santo. É por imersão na água e depende de uma afirmação da fé em Jesus e da evidência de arrependimento do pecado. Segue-se à instrução na Escrituras Sagradas e à aceitação de seus ensinos.
Razões Bíblicas|S. Mat. 3:13-16; 28:19 e 20; Atos 2:38; 16:30-33; 22:16; Rom. 6:1-6: Gál. 3:27; I Cor. 12:13; Col. 2:21 e 13; I S. Ped. 3:21
15| A Ceia do Senhor
A Ceia do Senhor é uma participação nos emblemas do corpo e do sangue de Jesus, como expressão de fé nEle, nosso Salvador e Senhor. Nessa experiência de comunhão, Cristo está presente para encontrar-Se com Seu povo e fortalecê-lo. Participando da Ceia, proclamamos alegremente a morte do nosso Senhor até que Ele volte. A preparação envolve o exame de consciência, o arrependimento e a confissão. O Mestre instituiu a cerimônia do lava-pés para representar renovada purificação, para expressar a disposição de servir um ao outro em humildade semelhante à de Cristo e para unir nossos corações em amor. O Serviço da Comunhão é franqueado a todos os crentes cristãos.
Razões Bíblicas|S. Mat. 26:17-30; I Cor. 11:23-30; 10:16 e 17; S. João 6:48-63; Apoc. 3:20; S. João 13:1-17
16| Dons e Ministérios Espirituais
Deus concede a todos os membros de Sua Igreja, em todas as épocas, dons espirituais que cada membro deve empregar em amoroso ministério para o bem comum da Igreja e da humanidade. Sendo outorgados pela atuação do Espírito Santo, o qual distribui a cada membro como Lhe apraz, os dons provêem todas as aptidões e ministérios de que a Igreja necessita para cumprir suas funções divinamente ordenadas. De acordo com as Escrituras, esses dons abrangem tais ministérios como a fé, a cura, profecia, proclamação, ensino, administração, reconciliação, compaixão, e serviço abnegado e caridade para ajuda e animação das pessoas. Alguns membros são chamados por Deus e dotados pela Espírito para funções reconhecidas pela Igreja em ministérios pastorais, evangelísticos, apostólicos e de ensino especialmente necessários para habilitar os membros para o serviço, edificar a Igreja com vistas à maturidade espiritual e promover a unidade da fé e do conhecimento de Deus. Quando os membros utilizam esses dons espirituais como fiéis despenseiros da multiforme graça de Deus, a Igreja é protegida contra a influência demolidora de falsas doutrinas, tem um crescimento que provém de Deus e é edificada na fé e no amor.
Razões Bíblicas|Rom. 12:4-8; I Cor. 12:9-11, 27 e 28; Efés. 4:8 e 11-16; II Cor. 5:14-21; Atos 6:1-7; I Tim. 2:1-3; I S. Ped. 4:10 e 11; Col. 2:19; S. Mat. 25:31-36
17| O Dom de Profecia
Um dos dons do Espírito Santo é a profecia. Este dom é uma característica da Igreja remanescente e foi manifestado no ministério de Ellen G. White. Como a mensageira do Senhor, seus escritos são uma contínua e autorizada fonte de verdade e proporcionam conforto, orientação, instrução e correção à Igreja. Eles também tornam claro que a Bíblia é a norma pela qual deve ser provado todo o ensino e experiência.
Razões Bíblicas|Joel 2:28 e 29; Atos 2:14-21; Heb. 1:1-3; Apoc. 12-17; 19:10
18| A Lei de Deus
Os grandes princípios da lei de Deus são incorporados nos Dez Mandamentos e exemplificados na vida de Cristo. Expressam o amor, a vontade e os propósitos de Deus acerca da conduta e das relações humanas, e são obrigatórias a todas as pessoas, em todas as épocas. Estes preceitos constituem a base do concerto de Deus com Seu povo e a norma no julgamento de Deus. Por meio da atuação do Espírito Santo, eles apontam para o pecado e despertam o senso da necessidade de um Salvador. A Salvação é inteiramente pela graça, e não pelas obras, mas seu fruto é a obediência aos mandamentos. Essa obediência desenvolve o caráter cristão e resulta numa sensação de bem-estar. É uma evidência de nosso amor ao Senhor e de nossa solicitude por nossos semelhantes. A obediência da fé demonstra o poder de Cristo para transformar vidas, e fortalece, portanto, o testemunho cristão.
Razões Bíblicas|Êxo. 20:1-17; S,. Mat. 5:17; Deut. 28:1-14; Sal. 19:7-13; S. João 14:15; Rom. 8:1-4; I S. João 5:3; S. Mat. 22:36-40; Efés. 2:8
19| O Sábado
O bondoso Criador, após os seis dias da Criação, descansou no sétimo dia e instituiu o sábado para todas as pessoas, como memorial da Criação. O quarto mandamento da lei de Deus requer a observância deste sábado do sétimo dia como dia de descanso, adoração e ministério, em harmonia com o ensino e a prática de Jesus, o Senhor do sábado. O sábado é um dia de deleitosa comunhão com Deus e uns com os outros. É um símbolo de nossa redenção em Cristo, um sinal de nossa santificação, uma prova de nossa lealdade e um antegozo de nosso futuro eterno no reino de Deus. O sábado é um sinal perpétuo do eterno concerto de Deus com Seu povo. A prazerosa observância deste tempo sagrado duma tarde a outra tarde, do por-do-sol ao por-do-sol, é uma celebração dos atos criadores e redentores de Deus.
Razões Bíblicas|Gên. 2:1-3; Êxo. 20:8-11; 31:12-17; S. Luc. 4:16; Heb. 4:1- 11; Deut. 5:12-15; Isa. 56: 5 e 6; 58:13 e 14; Lev. 23:32; S. Mar. 2:27 e 28
20| Mordomia
Somos despenseiros de Deus, responsáveis a Ele pelo uso apropriado do tempo e das oportunidades, posses, e das bênçãos da Terra e seus recursos, que Ele colocou sob o nosso cuidado. Reconhecemos o direito de propriedade da parte de Deus por meio do fiel serviço a Ele e a nossos semelhantes, e devolvendo os dízimos e dando ofertas para a proclamação de Seu evangelho e para a manutenção e o crescimento de Sua Igreja. A mordomia é um privilégio que Deus nos concede para o desenvolvimento no amor e para a vitória sobre o egoísmo e a cobiça. O mordomo se regozija nas bênçãos que advêm aos outros como resultado de sua fidelidade
Razões Bíblicas|Gên. 1:26-28; 2:15; Ageu 1:3-11; Mal. 3:8-12; S. Mat. 23:23; I Cor. 9:9-14
21| Conduta Cristã
Somos chamados para ser um povo piedoso que pensa, sente e age de acordo com os princípios do Céu. Para que o Espírito recrie em nós o caráter de nosso Senhor, nós só nos envolvemos naquelas coisas que produziram em nossa vida pureza, saúde, e alegria semelhantes às de Cristo. Isto significa que nossas diversões e entretenimentos devem corresponder aos mais altos padrões de gosto e beleza cristãos. Embora reconheçamos diferenças culturais, nosso vestuário deve ser simples, modesto e de bom gosto, apropriado àqueles cuja verdadeira beleza não consiste no adorno exterior, mas no ornamento imperecível de um espírito manso e tranqüilo. Significa também que, sendo o nosso corpo o templo do Espírito Santo, devemos cuidar dele inteligentemente. Junto com adequado exercício e repouso, devemos adotar alimentação mais saudável possível e abster-nos dos alimentos imundos identificados nas Escrituras. Visto que as bebidas alcóolicas, o fumo e o uso irresponsável de medicamentos e narcóticos são prejudiciais a nosso corpo, também devemos abster-nos dessas coisas. Em vez disso, devemos empenhar-nos em tudo que submeta nossos pensamentos e nosso corpo à disciplina de Cristo, o qual deseja nossa integridade, alegria e bem-estar.
Razões Bíblicas|I S. João 2:6; Efés. 5:1-13; Rom. 12:1 e 2; I Cor. 6:19 e 20; 10:31; I Tim. 2:9 e 10; Lev. 11:1-47; II Cor. 7:1; I S. Ped. 3:1-4; II Cor. 10:5; Filip. 4:8)
22| Matrimônio e Família
O casamento foi divinamente estabelecido no Éden e confirmado por Jesus como união vitalícia entre um homem e uma mulher, em amoroso companheirismo. Para o cristão, o compromisso matrimonial é com Deus bem como com o cônjuge, e só deve ser assumido entre parceiros que partilham da mesma fé. Mútuo amor, honra, respeito e responsabilidade constituem a estrutura dessa relação, a qual deve refletir o amor, a santidade, a intimidade e a constância da relação entre Cristo e Sua Igreja. No tocante ao divórcio, Jesus ensinou que a pessoa que se divorcia do cônjuge, a não ser por causa de fornicação, e casar-se com outro, comete adultério. Conquanto algumas relações de família fiquem aquém do ideal, os consortes que se dedicam inteiramente um ao outro, em Cristo, podem alcançar amorosa unidade por meio da orientação do Espírito e a instrução da Igreja. Deus abençoa a família e tenciona que seus membros ajudem um ao outro a alcança completa maturidade. Os pais devem educar os seus filhos a amar o Senhor e a obedecer-Lhe. Por seu exemplo e suas palavras, que Cristo é um disciplinador amoroso, sempre terno e solícito, desejando que eles se tornem membros de Seu corpo, a família de Deus. Crescente intimidade familiar é um dos característicos da mensagem final do evangelho
Razões Bíblicas|Gên. 2:18-25; Deut. 6:5-9; S. João 2:1-11; Efés. 5:21-33; S. Mat. 5:31 e 32; 19:3-9; Prov. 22:6; Efés. 6:1-4; Mal. 4:5 e 6; S. Mar. 10:11 e 12; S. Luc. 16:18; I Cor 7:10 e 11
23| O Ministério de Cristo no Santuário Celestial
Há um santuário no Céu, o verdadeiro tabernáculo que o Senhor erigiu, não o homem. Nele Cristo ministra em nosso favor, tornando acessíveis aos crente os benefícios de Seu sacrifício expiatório, oferecido uma vez por todas, na cruz. Ele foi empossado como nosso grade Sumo-sacerdote e começou Seu ministério intercessório por ocasião de Sua ascensão. Em 1844, no fim do período profético dos 2300 dias, Ele iniciou a segunda e última etapa de Seu ministério expiatório. É uma obra de juízo investigativo, a qual faz parte da eliminação final de todo o pecado, prefigurada pela purificação do antigo santuário hebraico no Dia da Expiação. Nesse serviço típico, o santuário era purificado com o sangue do sacrifício de animais vivos, mas as coisas celestiais são purificadas com o perfeito sacrifício do sangue de Jesus. O juízo investigativo revela aos seres celestiais quem dentre os mortos dorme em Cristo, sendo, portanto, nEle, considerado digno de ter parte na primeira ressurreição. Também torna manifesta quem, dentro vivos permanece em Cristo, guardando os mandamentos e a fé de Jesus, estando, portanto, nEle, preparado para a transladação ao Seu reino eterno. Esse julgamento vindica a justiça de Deus em salvar os que crêem em Jesus. Declara que os que permanecem leais a Deus, receberão o reino. A terminação do ministério de Cristo assinalará o fim do tempo da graça para os seres humanos, antes do Segundo Advento.
Razões Bíblicas|Heb. 1:3; 8:1-5; 9:11-28; Dan. 7:9-27; 8:13 e 14; 9:24- 27; Núm. 14:34; Ezeq. 4:6; Mal. 3:1; Lev. 16; Apoc. 14:12; 20:12; 22:12
24| A Segunda Vinda de Cristo
A segunda vinda de Cristo é a bendita esperança da Igreja, o grande ponto culminante do evangelho. A vinda do Salvador será literal, pessoal, visível e universal. Quando Ele voltar, os justos falecidos serão ressuscitados e, juntamente com os justos que estiverem vivos, serão glorificados e levados para o Céu, mas os ímpios irão morrer. O cumprimento quase completo da maioria dos aspectos da profecia, bem como a condição atual do mundo, indica que a vinda de Cristo é iminente. O tempo exato desse acontecimento não foi revelado, e somos portanto exortados a estar preparados em todo o tempo.
Razões Bíblicas|Tito 2:13; S. João 14:1-3; Atos 1:9- 11; I Tess. 4:16 e 17; I Cor. 15:51-54; II Tess. 2:8; S. Mat 24; S. Mar. 13; S. Luc. 21; II Tim. 3:1- 5; Joel 3:9-16; Heb. 9:28
25| Morte e Ressurreição
O salário do pecado é a morte. Mas Deus, o único que é imortal, concederá vida eterna a Seus remidos. Até aquele dia, a morte é um estado inconsciente para todas as pessoas. Quando Cristo, que é a nossa vida, se manifestar, os justos ressuscitados e os justos vivos serão glorificados e arrebatados para o encontro de seu Senhor. A segunda ressurreição, a ressurreição dos ímpios ocorrerá 1000 anos mais tarde.
Razões Bíblicas|I Tim. 6:15 e 16; Rom. 6;23; I Cor. 15:51-54; Ecles. 9:5 e 6; Sal. 146:4; I Tess. 4:13-17; Rom. 8:35-39; S. João 5:28 e 29; Apoc. 20:1-10; S. João 5:24
26| O Milênio e o Fim do Pecado
O milênio é o reinado de mil anos de Cristo de Seus santos, no Céu, entre a primeira e a segunda ressurreições. Durante esse tempo serão julgados os ímpios mortos; a Terra estará completamente desolada, sem habitantes humanos com vida, mas ocupada por Satanás e seus anjos. No fim desse período, Cristo com Seus santos e a Cidade Santa descerão do Céu à Terra. Os ímpios mortos serão então ressuscitados e, com Satanás e seus anjos, cercarão a cidade; mas o fogo de Deus os consumirá e purificará a Terra. O universo ficará assim eternamente livre do pecado e dos pecadores.
Razões Bíblicas|Apoc. 20; Zac. 14:1-4; Jer. 4:23-26; I Cor. 6; II S. Ped. 2:4; Ezeq. 28:18; II Tess. 1:7-9; Apoc. 19:17, 18 e 21
27| A Nova Terra
Na Nova Terra, em que habita justiça, Deus proverá um lar eterno para os remidos e um ambiente perfeito para vida, amor, alegria, e aprendizado eternos, em Sua presença. Pois aqui o próprio Deus habitará com o Seu povo, e o sofrimento e a morte terão passado. O grande conflito estará terminado e não mais existirá pecado. Todas as coisas, animadas e inanimadas, declaram que Deus é amor; e Ele reinará para todo o sempre. Amém.
Razões Bíblicas|II S. Ped. 3:13; Gên. 17:1-8; Isa. 35; 65:17-25; S. Mat. 5:5; Apoc. 21:1-7; 22:1-5; 11:15

9 de fev de 2012

Câncer



Câncer - 21 de Junho a 22 de Julho

"A ti Câncer, atribuo a tarefa de ensinar aos homens a emoção.

Minha idéia é que provoques neles risos e lágrimas, e a plenitude dos sentimentos.

Para isso Eu te dou o Dom da Família, para que tua plenitude possa se multiplicar.
"

E Câncer voltou ao seu lugar.

Principal Característica: sentimento.
Qualidades: empatia, sensibilidade.
Defeitos: possessividade, apego ao passado, instabilidade.

Elemento: água
Qualidade: cardinal
Polaridade: feminino
Planeta regente: Lua
Exílio: Saturno
Exaltação: Júpiter
Queda: Marte

O símbolo gráfico de câncer sugere um fechamento protetor, um "ninho", um abrigo, símbolo também da gestação e da maternidade. Primeiro signo da água representa a sensibilidade, o sentimento, a nutrição emocional. O caranguejo é de movimentos cuidadosos, protegido por sua casca, vivendo entre a água e a terra. Com suas antenas para a frente e o rabo para trás, o caranguejo expressa a fé e a gratidão. Signo regido pela lua, que é o domínio do inconsciente, das emoções, do sonho, da imaginação. Características: proteção, receptividade, sentimentos, sensibilidade, ternura, criatividade artística, intuição, carência, comportamento "lunático", fantasia, impressionabilidade, vulnerabilidade psíquica e emocional, insegurança, dificuldade de cortar o "cordão umbilical", de romper com o passado. O canceriano é um ser que vive em função de seus sentimentos e imaginação, com grande sensibilidade e intuição. Tem fases, como a lua...





Mitos do signo de Câncer

Na mitologia hindu, há figura de Kali, uma mulher sentada, com oito braços nas costas, amamentando uma criança com a mão direita enquanto devora outra criança com a esquerda. Símbolo da mãe que alimenta fisicamente e nutre, ao mesmo tempo que impede o pleno desenvolvimento da individualidade da criança que é alimentada. Há outra figura mitológica grega que representa o núcleo canceriano: a deusa Hera e o caranguejo que vivia no pântano da Hidra de Lerna. Enfrentar a Hidra, um monstro de muitas cabeças, foi o segundo dos trabalhos de Hércules.

Zeus tramou a imortalidade de seu filho mortal preferido - Hércules. Adormecendo Hera fez com que a criança sugasse o seio da deusa. Hera acordou e nunca perdoou essa atitude, passando a odiar Hércules.

Hera enviou então um imenso caranguejo para o pântano, para que investisse contra Hércules pelas costas, no momento em que ele enfrentava a Hidra, "pinçando-o" pelas ancas e pelos pés. Entretanto, Hércules conseguiu matar o caranguejo e depois derrotar a Hidra. Este episódio mostra a raiva de Hera contra a possibilidade de independência e identidade individual de sua criatura.

Como reconhecer uma pessoa de Câncer

Eles são sensíveis, sensatos, solícitos e vivem em busca do tempo perdido. É fácil notá-los, e encantar-se à primeira vista: abrirão portas e puxarão cadeiras se forem caranguejos-macho, ou se oferecerão para consertar aquele abajur quebrado, se forem caranguejos-fêmeas, enquanto lhe contam o quanto, mas quanto mesmo, foram felizes na infância. O canceriano é um idealizador do passado, e para ele nunca houve época mais feliz que a época do ginásio, ou aqueles meses em que ele passava as férias com todos os primos, no sítio do avô, ou aquele dia muito particular em que ganhou a primeira bicicleta. Pode até não ser verdade - mas o conceito de verdade, para um canceriano, é totalmente sentimental. Esta é a marca registrada deste signo de água, regido pela Lua: eles são movidos a sentimentos. Realidade, para eles, é o que eles sentem, e nenhuma análise fria, objetiva, e matemática dos fatos vai convencê-los do contrário.

Não adianta, por exemplo, insistir que é melhor pegar um ponte aérea para passar o fim de semana no Rio, em vez de perder oito horas na Dutra e desmaiar de cansaço no sábado e domingo se eles "sentem" que o avião pode cair. Eles são tão amáveis e corteses que às vezes se demora para perceber o quanto são refratários a sugestões. Não ouse perguntar porque eles não vão ao teatro, se a última peça que eles assistiram foi em 1969 e as coisas evoluíram um pouquinho desde então. "Não vou porque não vou", ele lhe responderá provavelmente porque sente algo absolutamente incomunicável. "Porque sim" e "porque não" são as expressões mais freqüentes do repertório do caranguejo.

É que ele, apesar de conservador, é também um cara de lua. Suas opiniões variam barbaramente, indo num mesmo dia do grau zero ao grau máximo da escala Richter de emotividade. A instabilidade do caranguejo, porém, não tem nada a ver com a volubilidade do geminiano: enquanto aquele borboleteia entre duas idéias, este oscila entre vários humores. Mas seus ataques de melancolia passam tão rápido quanto vieram: basta que você ofereça um pouco de colo e ele terá de volta tudo que mais necessita, isto é, segurança, segurança e segurança.

Perfil Detalhado do Signo de Câncer

Em Câncer, é preciso digerir tudo o que foi feito anteriormente, assentar a criação em uma base firme, integrá-la no ambiente coletivo em que todos vivem para que ela possa ser incorporada, e também deixar suas sementes para um futuro que não se conhece ainda. E exatamente isso é que Câncer faz e assim irá agir na vida: interiorizando o que vive, assentando em sua vida o que aprendeu, criando um apoio para as pessoas que considera iguais – e daí criando o conceito de uma família, ou tribo – onde irá gestar e nutrir, acalentando sonhos, o futuro de toda a coletividade.

Instável como as marés, relacionada a este signo, que está sob a regência da Lua, o astro regente, Câncer se move de acordo com seu instinto de proteção, seu sentimento e suas emoções. Essa internalização é que corresponde ao tipo Câncer, que é sonhador, um pouco tímido, ligado no cuidado da prole, preocupado com o futuro, mas com um olho no passado, um signo de silêncio, de auto-proteção, pois a semente precisa estar cercada de cuidados para poder germinar na proteção do escuro, longe dos olhares e dos comentários.

Daí que dizemos que quando um projeto está sendo gestado, é melhor guardar segredo, não expor a notícia ao mundo, aguardando quando ela romper a terra e mostrar seus primeiros galhinhos verdes. Essa é a natureza Câncer. Para cumprir com essa função, de sentir o que é preciso para garantir a gestação, Câncer se torna ou um eterno sonhador, sedentário e apegado demais à pátria, à família ou às tradições, cheio de manias que considera fundamentais, ou se inibe, tornando-se resignado e melancólico.

Este signo inaugura o segundo processo trifásico dentro do ciclo maior de criação do universo, iniciado em Áries. (O primeiro processo trifásico compreende a ação e manifestação da idéia, que vai de Áries a Gêmeos).

Na saúde, Câncer rege os seios – que nutrem e alimentam - e o estômago – que processa o alimento digerido. Este último órgão é relacionado com um centro de energia (chakra=círculo) de sentimento responsável pela percepção do papel da pessoa dentro do universo, que tem direta relação com a germinação de uma semente – é preciso ter certeza de seu papel no todo maior que é o universo. Doenças e distúrbios nessas áreas refletem alterações nessas funções.

Na profissão, Câncer se destaca naquelas em que seu lado sonhador possa ser aproveitado. A história também é um campo privilegiado para Câncer, assim como todas as que se dedicam à proteção: da arquitetura (que projeta formas de proteção à família) até a psicologia (que promove o bem-estar da pessoa com seu mundo interno), passando pela decoração (que propicia o conforto no lar) e a gastronomia (que fortalece o organismo).

No amor, Câncer é o romântico por excelência, sentimental, que gosta da privacidade e dos pequenos momentos passados na companhia de quem ama, apenas sentindo o prazer da companhia. Imaginativo, Câncer sempre procura conservar o que tem e daí pode se tornar possessivo e carente de atenções quando relegado a segundo plano por causa de outros afazeres.

Seu elemento é a Água, sua pedra é o abalone, a madrepérola, a pérola e todas as leitosas e furta-cores, seu metal é a prata, sua cor é o branco-leitoso e o os tons pálidos e lavados do azul, do verde e do cinza. Planeta regente: não é um planeta, mas nosso satélite, a Lua.

Análise do Canceriano

Como você sabe, o temperamento dos outros tem efeito direto em suas próprias emoções e isso se estende até a área sexual. Seu comportamento ou atividade sexual tende a ser harmônico; o que significa que Câncer se concentra em dar em vez de receber prazer. Aparentemente, isso pode parecer nobre. Até certo ponto, é louvável. Sexo é um impulso poderoso; sem ele a vida deixaria de existir. Dar prazer em vez de receber pode criar um dilema. Se o ego de seu parceiro requer a satisfação de saber se ele ou ela proporcionou prazer, o seu comportamento sexual pode ser um problema. Seu impulso sexual é forte, uma parte muito importante de sua vida. Reconheça isso e receba satisfação assim como a oferece. Você estima a afeição; a proteção da família e a lealdade para os amados é uma parte vital de sua constituição. Mas, Canceriano, quando a lealdade cria "pontos cegos", então, o ajuste à realidade é necessário. Sua lealdade pode ser cega. É necessário, no que se diz respeito ao sexo, torna-se mais individualista, com necessidades,desejos e caprichos individuais. Isso é essencial se quiser obter a verdadeira satisfação. Por outro lado, você é tudo o que um amante poderia desejar: caloroso, doador, correspondente ao toque do amor. Mulheres de Câncer são amáveis e frequentemente, solitárias. Homens de Câncer são emotivos, sensíveis às circunstâncias. Se um romance termina, você é capaz de se ajustar ou reajustar. Raramente desiste de algo por nada. Você possui uma curiosidade saudável quanto ao sexo; às vezes, é difícil saber se o seu impulso é ditado pela paixão ou pela curiosidade. O Canceriano é idealista; seu desejo pelo sexo é direcionado à segurança e ao lar; indo direto ao assunto: seu impulso sexual é forte, mas ele não é, necessariamente, um fim em si mesmo. No sexo, como em outras áreas, seus adversários são o ciúme e a possessividade. Você considera o casamento uma aventura, que inclui o sexo. Quando se trata de sexo, tende a atrair opostos, ou seja, alguém que pode ser considerado como o opostos, ou seja, alguém que possa ser considerado o oposto da formação de seu caráter. Sexo, para o Canceriano, pode vir a ser um meio de mudar os hábitos, renovar o modo de viver. Seus olhos vagueiam mais que você; sua curiosidade é saudável, mas quando não tem escolha, geralmente, se dedica aos compromissos. Quando o amor não vai bem, você então se vira para a comida. E como seu corpo tende a reter líquidos, um romance infeliz pode resultar em um peso extra. Quando infeliz, come sem saborear; come apenas para compensar, e o problema de peso aumenta. Isso pode ser de certa forma um círculo vicioso; quando o amor azeda, a comida se torna doce. Controle o seu apetite; moderação é a saída. Você liga sexo à família, ao lar e a vida doméstica; no ponto de vista do Canceriano, é um elo contínuo. Às vezes, isso é construtivo, por outras, pode ser um engano. Você se torna uma pessoa menos excitante quando se prende à única atitude, que sexo deve estar ligado à família e ao lar. A área sexual é importante; mas no seu caso, há algumas lições óbvias.Você deveria aprender que sexo e reprodução não são, necessariamente, a mesma coisa. Para você, um elemento de mistério é necessário no prazer sexual. Abandone as noções sobre o que é ou não é necessário. Substitua pelo que é bom, prazeroso e satisfatório. Então, Canceriano, você terá boa aparência, se sentirá bem e, na verdade, você estará bem.

A Mãe do signo de Câncer

Se há um signo que é responsável pelos mitos sobre a poderosa, doce, absorvente e carinhosa "Grande Mãe", este signo é Câncer. A canceriana vai até o inferno por seus filhos. Ela corre sérios riscos de ter comportamentos controladores e morre de medo de ver suas crias irem embora.

Confidente, amiga e protetora do núcleo familiar, a mãe de Câncer conta histórias da época de sua avó, cozinha doces antigos e adora montar o álbum de fotos da família. Tudo isso para que seus filhos jamais se esqueçam de onde vieram e saibam para onde ir no futuro.

Não é fácil ter uma canceriana como mãe, mas você jamais a trocaria por outra, não é?

O Pai do signo de Câncer

Este é o pai "mais família" de todo o Zodíaco, quase um rival da mãe. Preocupado demais com os filhos, ele gosta de ser bonzinho. O pai de Câncer entende, conversa e troca afeto. A não ser quando é presa de um terrível mau humor, que faz com que ele se prenda em casa como um gato, evitando o contato com o mundo externo.

Contra essa nuvem perturbadora, só mesmo o carinho e a proximidade dos filhos. É difícil para um homem nascer com o Sol em câncer, pois seu reinado é o mundo do afeto, da subjetividade e de tudo que foi colocado sob a ordem do feminino. Vêm daí suas instabilidades.

Sonhador, ele quer o melhor para sua família e é capaz de se virar do avesso para chegar lá. Costuma gostar de história e de romances compridos. O pai de Câncer se importa com o que é dado e feito de coração.

A Criança do signo de Câncer

A criança canceriana é fria e fechada, com um apego muito grande às coisas do passado. Apega-se facilmente aos avós ou parentes mais velhos.

Tímida e insegura, precisa de afeto, carinho e muita atenção por parte dos pais e irmãos mais velhos. Isso revela um lado frágil, mas não se engane com isso, pois essa criança pode reagir a ponto de machucar quem a magoa. Adoram ser mimadas e precisam de proteção e segurança, escondendo suas emoções e somente as liberando quando se sentem a salvo. Não hesitam em lançar mão da chantagem emocional. Os pais devem ficar atentos a isso.

Características negativas a serem corrigidas são apego ao passado, insegurança, repressão, suscetibilidade e chantagem.

O Futuro
O instinto maternal caracteriza este signo, razão pela qual se dará bem em qualquer atividade que implique em ajudar seus semelhantes. Para aceitar seu trabalho, é preciso que sinta a presença de uma estrutura sólida e permanente como respaldo.

A Saúde
Este signo rege o ventre e o tórax, evidenciando os pontos fracos que são os seios, o estômago, o ventre e o sistema digestivo. A
prisão de ventre pode ser um problema constante dessa criança, que precisa aprender a se alimentar adequadamente. As ulheres
podem ter problemas com nódulos benignos no útero e nas trompas.

Como será sua Chegada em Casa?

Escreva de forma que você não esqueça: esta criatura mudará de estado de espírito como também você muda as fraldas dela. Ele amará tudo o que for relacionado com beber e comer, e as fotografias coloridas. Cada experiência sensorial será para ele ou ela, uma pedra preciosa que manterão guardados no tesouro de sua memória. Embora muitos anos possam passar este nativo de Câncer se lembrará de cada emoção e cada sensação na vida dele e eles poderão se lembrar disto exatamente. As emoções deles são ricas, coloridas e variadas, mas para tudo aquilo este bebê é talvez um pequeno solitário. Jogar com eles será muito divertido. São criaturas com uma expressão divertida e olhos que quase falam por eles. Estes meninos jovens têm necessidades mais emocionais que o Peixes. Tome nota do seguinte: "A influência mais forte e mais importante no canceriano sempre é a atmosfera de sua casa no princípio de seus dias". Eles dependem das reações de seus pais e irmãos. É muito tímido para expressar sua inquietude, mas reservadamente quer ser adorado e mimado. A rejeição por mais simples que seja o destrói. Ser aceito é algo extremamente importante para eles. Embora sejam muito sentimentais, são extremamente independentes e individualistas. Se este broto pequeno seguir a sua essência de Câncer, procurará o modo dele para fazer as coisas. Falando de lágrimas, este pequeno da Lua chorará para mares. Este pequeno exige muita empatia para desenvolver um pouco as qualidades artísticas, criativas e amorosas. Se estas qualidades são desenvolvidas bem, se tornarão pacientes, adultos generosos, com segurança em si mesmos e de coração aberto. Para o oposto, se na infância não se alimentou suas emoções, serão adultos amargos, silenciosos, egoístas, inseguros e apegados às saias de sua mãe. Como é um menino ou a menina sensível, qualquer rejeição por pequena que seja, pode doer profundamente. Um cuidado especial que se deve ter é estimular sua autoconfiança, dizendo-lhe: bonita atitude, inteligente, querido, filho amado. O problema principal é não cair nos extremos e nem ser muito rígido também. A solução é relaxar porque o amor sempre acha a medida. Eles nunca esquecerão de uma data importante como seu aniversário. Você nunca deverá os aborrecer com apelidos ou com defeitos. Eles serão muito frugais e na mocidades procurarão o modo para alcançar seu próprio meio de vida. Ele\Ela tomará conta dos assuntos familiares e sempre será envolvido e interessado neles. A mãe será muito importante ao longo de sua vida. Ele\Ela amará entrar em contato com as memórias, não se preocupando com a distância que se encontre. Por isso sempre tenha em sua cozinha a sobremesa favorita dele/dela esperando pela chegada, que não falhará.

O Animal de Estimação Canceriano

Regidos pela Lua são animais excepcionais com as crianças e gostam do conforto da casa. Os gatos têm bastante medo de sair de casa e mesmo que deixe a porta aberta é raro fugirem. Quanto aos cães, são os melhores amigos e protectores dos donos, crianças e amigos. São animais que gostam de paz e tranquilidade e não de ambientes agitados. Mudanças bruscas na dieta podem afectar o seu estômago sensível.

O beijo do Canceriano

Ternos, carinhosos, protetores. Assim são os beijos "básicos" dos de Câncer, que adoram carinho como poucos no zodíaco. Mais passivos do que ativos, eles preferirão dar espaço para que você dite as "normas" do beijo, e marias-vão-com-as-outras no bom sentido, eles seguirão o seu jeito de beijar. Porém, um aviso: nada de brutalidade com eles, hein? Lembra, você está lidando com Câncer, não com Escorpião, então nada de mordidas de tirar sangue e beijos tipo José Wilker, certo? Ou você corre o risco de o seu carangueijinho fugir apavorado, gritando mamãe.

Rituais para o Ano novo do Canceriano

No dia 31, liste num papel os assuntos difíceis de sua vida. Queime a lista, mentalizando o desaparecimento de vínculos que não deseja mais. Pinte num papel-cartão um sol e escreva "luz, amor e força aqui e agora". Faça ao lado sua lista de intenções. Guarde o cartão na agenda ou numa gaveta. No banho, derrame sobre o corpo um chá de folhas e flores de laranjeira com gotas de alfazema. Peça energia, coragem e auto-estima. Vista-se de amarelo ou laranja, com acessórios de ouro ou metal dourado. À meia-noite, coma sete gomos de tangerina. Plante as sementes ou guarde-as.

Fontes dos textos:

Terra Esotérico
Horoscopo Signo
Portal TopGyn


envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

5 de fev de 2012

seu nome combina com o dele ???


 A Numerologia é uma prática que oferece a possibilidade de que descubramos muito mais acerca de nós mesmos, do que aquilo que possamos imaginar. Saiba, agora, como os números traçam o destino!

As letras do nome de qualquer pessoa são extremamente importantes para definir a personalidade de cada um, desde as características internas, àquelas que necessitamos trabalhar um pouco mais, e as restantes, ou seja, as que transparecemos e damos a conhecer ao exterior. Quer queira quer não, a verdade é que o perfume da numerologia está impregnada em todo o lado, desde o seu nome até à sua data de nascimento.

Se o nome de cada pessoa consegue revelar em traços gerais a sua real personalidade, a data de nascimento dos seres humanos tem um papel diferente. É a partir dela que podemos saber o que está traçado no seu destino, aquilo com o qual, possivelmente, terá que se deparar no futuro. Assim, e através da simplificação da sua data de nascimento, poderá conhecer qual será o seu caminho futuro.
Para que compreenda perfeitamente o que estamos expondo, imaginemos a seguinte situação: uma pessoa nasceu no dia 25 de Abril de 1975. O que terá que fazer é somar todos os números: 25+4+1975. Isto dará um total de 2004. O passo seguinte é somar estes quatro números, 2+0+0+4, que dará um total de 6. Este será o seu número de destino, aquele que vai, de uma forma geral, oferecer-lhe um rumo ao seu caminho nesta vida. Agora, o que tem a fazer é muito simples: basta fazer o mesmo processo e obter um número. Em seguida, você ficará sabendo o que significa cada número.

1. Dotada de uma enorme força de vontade, é alguém extremamente criativa e original que aprecia ser sempre pioneira. Deve continuar a seguir o seu caminho como até aqui, pois vai ultrapassar todos os obstáculos. Extremamente organizada, seria útil se tentasse trabalhar em equipe. Aparecerá muito nos meios sociais, embora venha a ter tendência para ser autoritária. Aprenda a ouvir os outros, e a ter mais cuidado com o coração.

2. Será uma pessoa de sucesso, mas só quando trabalhar em equipe. Diplomata por excelência, é extremamente respeitadora, e que deve cooperar em todas as situações com os seus superiores. Será importante ter sempre a devida consideração pelos outros, e ter cuidado com eventuais traições. Cuidado com problemas no estômago, e faça um esforço para não se tornar alguém demasiadamente emotiva e melancólica.

3. Você deverá expressar tudo aquilo que está no seu interior. Aprenda a comunicar-se, a falar com os outros e a dizer a eles o que pensa realmente. Criativa, e muito ligada às artes, você está na terra com o objetivo de oferecer alegria aos outros. Todas as áreas ligadas à comunicação lhe proporcionarão o sucesso que você deseja e ambiciona. Cuidado com o fígado e vesícula.

4. Deve começar a aprender que as pessoas são diferentes e que nem tudo pode estar sempre de acordo com as suas convicções. Apesar de ser demasiadamente organizada, trabalhadora, econômica, responsável, e não gostar de imprevistos, é conveniente mudar um pouco a sua maneira de ser. O estômago e rins merecem uma atenção especial. As áreas das ciências exatas são o seu forte.

5. Detesta a monotonia e a rotina, e é uma amante da sua liberdade. Aprecia novas experiências, e é baseada nelas que deve investir em novos conhecimentos. Vá em frente, sem nunca esquecer o sentido de responsabilidade. Você vai precisar muito dele! Pense bem antes de mudar o que quer que seja, e deixe os impulsos para trás. A carreira estará relacionada com atividades ligadas ao turismo e relações pessoais. Pulmões, garganta e os nervos podem ter necessidade de serem vigiados regularmente.

6. Tem tendência para a ansiedade, e como tal não consegue ficar muito tempo num mesmo lugar. Gosta da natureza, de estar com muitas pessoas, mas também gosta de seus momentos a sós. Uma líder nata, não precisa se esforçar para conseguir impor suas idéias, mas não é autoritária. Terá sucesso em todas as áreas de comunicação. Quanto à saúde, deverá se prevenir dos problemas de hipertensão arterial e circulação.

7. O uso da mente é o verdadeiro motivo porque está aqui. Intuitiva, pensativa e filosófica deve começar a ser mais paciente relativamente a esta área. Cuidado com a solidão ou melancolia, pois embora sendo uma vencedora na vida profissional isso não implica que esqueça a vida pessoal. Um ambiente cultural será a sua chave para o sucesso, mas não se esqueça que a sua saúde também merece atenção, principalmente o sistema linfático e os pés.

8. Este é o número da soberania, do poder, da liderança, do sucesso profissional e da ambição. A sua missão aqui é aprender o sentido de poder e do dinheiro. Esse poder será apenas alcançado se trabalhar bastante e se esforçar para tal. Ainda que a sua missão seja essa, não a alcançará se não se aplicar. Altere o seu conceito de bom senso, para que possa criticar os outros de forma justa. Nas áreas que impliquem dinheiro, ou até na política, o sucesso será mais fácil.

9. Participar na luta de tudo aquilo que implique a melhoria dos direitos humanos é a sua missão. Você é aquele tipo de pessoa simples, da qual todos gostam, sempre compreensiva e amiga, cujo principal intuito é amar o mundo. Não se deixe abalar por pequenas irritações, e tente ignorá-las ao máximo. Todas as profissões que impliquem na ajuda aos outros serão apropriadas: psicologia, educação, sacerdócio. Atenção especial para a sua cabeça, de um modo geral, e rosto.

A Numerologia traça o seu Destino
http://www.mulherportuguesa.com/



envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

20 de jan de 2012

O quarto dos olhos vermelhos(relatos)


 O quarto dos olhos vermelhos

Um homem chamdo Carlos, que estava viajando queria se hospedar em um hotel para passar uma noite. Achou um hotel perto de uma rodovia nada movimentada e resolveu se hospedar lá. Chegando lá, ele perguntou ao recepcionista se haveria um quarto vago para ele passar a noite; E então o cara disse :
- temos esse quarto - o número era : 667 - que fica ao lado do quarto 666. Por Favor, só lhe darei esta chave se o senhor me prometer não olhar no quarto ao lado.
Carolos disse então :
- eu prometo senhor, só quero uma noite aqui e nada mais.
Então, o camareiro subiu com Carlos para lhe mostrar seu quarto. Quando já estav muito bem hospedado, Carlos, resolveu tomar um banho. Quando terminou, ouviu umas batidas no quarto ao lado, aquele que era extremamente proibido de se olhar. Curioso demais para respeitar o que o recepcionista o tinha dito, Carlos resolveu olhar pela fechadura da porta. Ao olhar, ele viu uma moça loira, de cabelos bem compridos com uma roupa branca olhando para a parede. Ao ver que " não havia nada demais " ele voltou para o quarto se deitar, para amanhã partir. Quando acordou, tomou café e soi arrumar suas coisas, para partir, ouviu denovo aquelas batidinhas, saiu lá fora do quarto, olhou bem pra ver se não havia ninguém que o pudesse ver e resolveu espiar pela fechadura da porta denovo. Ao espiar, Carlos viu tudo vermelho, nada além disso. Então resolveu perguntar ao cara o que tinha no quarto.
- Com lisença, o que existe dentro daquele quarto 666 ?
O recepcionista assustado, diz :
- o senhor olhou lá ?
Carlos :
- sim olhei. Me explique o que há naquele quarto !
O recepcionista respira fundo e conta :
 - Há uns 2 anos atrás, uma moça loira de cabelos longos morreu dentro daquele quarto, e o espírito dela ainda vaga por lá. Ela nunca nos fez mal algum, mais a gente aqui do hotel resolveu deixar aquele quarto só para ela. Só que aquela moça, não é uma qualquer, ela não é " normal ".
Carlos, assustado com a história pergunta :
- porque ela não é normal ?
E o recepcionista responde :
- ela tem os olhos vermelhos.


envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

28 de dez de 2011

הילל בן שחר


Lúcifer

O seu nome em hebraico, (הילל בן שחר) significa «estrela da manha», ou «estrela da alvorada», ou «luz da alvorada», estando todas estas expressões associadas ao planeta vénus que antes da alvorada, aparece como a primeira fonte de luz do dia que esta para nascer. Lúcifer é também o mais belo, sábio e poderoso ser criado por Deus, um anjo , ( um querubim), caído cujo o exílio do reino de Deus se deveu á sua tentativa de usurpar o trono do seu pai e ser igual a Deus. Lucifer foi feito a partir do fogo no primeiro dia da criação, é possuidor de doze asas brancas de invulgar envergadura e é o primeiro filho de Deus. Sobre Lúcifer, fala o Livro de Isaías:

: "Como caíste desde o céu, ó estrela da manhã, filha da alva! Como foste cortado por terra, tu que debilitavas as nações! E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu, acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono, e no monte da congregação me assentarei, aos lados do norte. Subirei sobre as alturas das nuvens, e serei semelhante ao Altíssimo. E contudo levado serás ao (Sheol), ao mais profundo do abismo.".

Isaías 14:12-15

Este texto representa, ( a pretexto de se dirigir a um rei terreno), a própria historia de Lúcifer, o primeiro filho de Deus, ( mais bela e sabia criatura, conhecida pelo cognome de «o portador da luz», a quem o Pai entregou o poder sobre a morte), que se havendo rebelado contra o seu pai por a Ele se desejar tornar igual, acabou expulso do reino celestial, exilado para sempre no «sheol», ou o «mundo dos mortos».

Por se opor ao seu pai e á tirania desse Deus HYHV, o seu filho exilado passou a chamar-se «opositor» ou «adversário», que em hebraico se escreve: «Satã». «Satã» não é por isso um «nome» que designa uma entidade em particular, mas antes um «titulo» ou um «adjectivo» que define todo aquele que de «opõem» ao deus HYHV.

Porque na verdade Lucifer e Satanás são duas entidades diferentes, a Igreja na sua teologia oficial não considera Lúcifer o «Diabo», mas apenas um «anjo caído» - Petavius, De Angelis, III, 3, 4

Lucifer era um anjo de Luz que havendo-se rebelado contra o seu pai, gerou uma guerra celestial. Havendo-a perdido, Lúcifer e os todos os anjos que o apoiaram, ( cerca de 1/3 dos anjos dos céus), foram banidos da presença de Deus e exilados no mundo dos mortos, ou «Sheol». Lúcifer é também conhecido por ser o «portador da luz», pois é o anjo da sabedoria . Lúcifer tentou oferecer a sabedoria a Eva, dando-lhe a provar o fruto da arvore do conhecimento, ( conforme no livro de génesis), facto que acabou gerando a expulsão de Adão e Eva do paraíso. Algumas tradições místicas hebraicas afirmam que Caim é filho de Lúcifer e não de Adão, facto pelo qual Deus desgostava dele e o rejeitou, conduzindo-o ao homicídio de Abel. Afirmam também certas tradições místicas que foi contra Lúcifer que Jacob lutou, pois Lúcifer era o anjo guardião de Caim e confrontou Jacob, desejando vingar-se do seu protegido. Lúcifer pode facultar sabedoria sobre todos os mais profundos segredos místicos e do oculto, assim como pode conceder um dos 6 dons das trevas.Lucifer é também pai de Mammon, e possui 5 consortes, sendo que Lilith é a sua imperatriz.




envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

19 de dez de 2011

Testemunho Pr. Paulinho de Jesus Ex -travesti


Ex- Paulete ! Pr. Paulinho de Jesus...?

Irmãos Acabei de ver o Testemunho do Pr, Paulinho de Jesus !muito lindo

Na opiniao d vcs, vcs acreditam que o SENHOR, toca tão grandemente em uma pessoa para restaurar TÃO GRANDIOSAMENTE ASSIM?

  você acredita que o Homossexualismo é um Espírito Mal? ou Algo de nossa propria vontade da Carne?

parte 1 http://www.youtube.com/watch?v=N738aG-bUpg

parte 2http://www.youtube.com/watch?v=BpUJ3KRM7Qs&feature=related

parte 3 http://www.youtube.com/watch?v=K45To_wKRsc&feature=related

parte 4http://www.youtube.com/watch?v=8QObH8NF0t8&feature=related

parte 5 http://www.youtube.com/watch?v=jxOPiwJac7U&feature=related

parte 6 http://www.youtube.com/watch?v=HRYSZDdDmcI&feature=related



envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

16 de dez de 2011

Espiritos podem fazer algum mal??


Espiritos podem fazer algum mal??

Bom, é uma das curiosidades que tenho??

conheci um caso intrigante, mas o mais intrigante pra mim foi que a pessoa ficou internada por mais ou menos uma semana sem saber o que tinha, apenas fraca e tomando soro constantemente.

Bom, em uma brincadeira dentro da casa (não é a brincadeira do copo ou similares) falaram que ainda continha um espirito de uma pessoa que já morou na casa. Essa parente dela começou a caçoar dizendo onde que ele estava, quando se abaixou e olhou por debaixo da mesa, simplesmnte ela deu um grito com os olhos esbugalados e desmaiou, foi levada ao hospital e permaneceu internda por uma semana.

Os espiritos tem o poder de fazer essas coisas??? ou esse espirito estava aconpanhado de uma coisa não muito boa??
ou o que ela viu não foi o espirito???




envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

14 de dez de 2011

como ter uma vida reta comDeus nesses ultimos dias

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui


retidão

tudo me e licido mas nem tudo me convem.
observai tudo e retei o que é bom.
de que forma?

( )participando das coisas do mundo.
( )abondonando as coisas do mundo.
( ) condenando tudo que o mundo oferece.
( ) nenhuma das alternativas>



é isso..

.No reino de Deus o maior é o menor.

.No reino de Deus dá-se a outra face quando apanha em uma. E não revida mais forte.

.No reino de Deus é melhor dar do que receber. E não receber sempre.

.No reino de Deus os ricos são os pobres de espírito. No mundo os ricos são os que muito dinheiro.

.No reino de Deus os assistidos não são os que têm muito, mas os que têm coração quebrantado.

.No reino de Deus os que vão rir são os que hoje choram.

.No reino de Deus os verdadeiros famintos são os que têm fome de justiça.

.No reino de Deus para nascer é preciso primeiro morrer.

.No reino de Deus feliz é considerado aquele que é castigado por Deus. Pois na repreensão há amor.

.No reino de Deus mais bem aventurado é o que adquire sabedoria e não o que adquire bens.

.No reino de Deus felizes são os mansos e não os que tentam impor sua força.

.No reino de Deus felizes são os que praticam a misericórdia e não os que levam vantagem em tudo.

.No reino de Deus mais aprende aquele que vai a um velório que aquele que vai a uma festa. Pois no primeiro há mais sinceridade.

.No reino de Deus se ganha quando se perde.

.No reino de Deus precisamos amar os inimigos, pois não há mérito maior em amar os amigos

13 de dez de 2011

Como devera ser o apocalipse

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui


Como devera ser o apocalipse

Mapa do mundo antigo das sete ilhas
As sete igrejas que estão na asia:
1-Éfeso
2-Esmirna
3-Pérgamo
4-Tiatira
5-Sardes
6-Filadélfia
7-Laodicéia

O apostolo João exilado na ilha de Patmos
 “Eu, João, que também sou vosso irmão, e companheiro na aflição, e no reino, e paciência de Jesus Cristo, estava na ilha chamada Patmos, por causa da palavra de Deus, e pelo testemunho de Jesus Cristo.”
 Uma voz ou chama:
  Ele foi arrepatado pelo espirito do senhor,e ouviu uma trombeta.e depois uma voz dizia:
  Eu sou o Alfa e Omêga .o primeiro e o derradeiro,e o que vês.escreve o no livro.e envia-o os sete igrejas que estão na Asia:Éfeso, e a Esmirna,e a Pergamó e  a Tiatira,e a Sardes e Filadelfia,e ao Lodiceia
   A visão de Jesus grorificado:
    A porta do céu:
   Depois destas coisa olhei ,e eis que estava uma porta aberta no céu,e a primeira voz(Jesus)que.como de trombeta,ouvira falar comigo,disse:Sobe aqui,e mostrarte que depois destas vai acontecer
. Visão do trono de Deus, dos quatro seres viventes e dos anciãos


 
Apocalipse 4:1-11
- O que estava assentado (Deus) era semelhante à pedra jaspe sardônica.
- O arco celeste ao redor do trono era semelhante à esmeralda.
- Os 24 anciãos estavam com vestes brancas e coroas de ouro, assentados sobre tronos.
- Do trono saíam relâmpagos, e trovões, e vozes; e diante do trono ardiam 7 lâmpadas de fogo, as quais são os sete espíritos de Deus.
- Diante do trono havia algo como que um mar de vidro, semelhante ao cristal.
- No meio do trono, e ao redor do trono, quatro animais cheios de olhos, por diante e por detrás.
1º animal : semelhante a um leão;
2º animal : semelhante a um bezerro;
3º animal : rosto como o de um homem;
4º animal : semelhante a uma águia voando.
- Os 4 animais tinham, cada um, seis asas, e ao redor, e por dentro, estavam cheios de olhos; e não descansam nem de dia nem de noite, dizendo: “Santo, Santo, Santo, é o Senhor Deus, o Todo-Poderoso, que era, e que é, e que há de vir”.
 



  . Os anciãos prostram-se e apresentam suas coroas diante do trono


 
Apocalipse 4:10,11
Os vinte e quatro anciãos prostravam-se diante do que estava assentado sobre o trono, e adoravam o que vive para todo o sempre; e lançavam as suas coroas diante do trono, dizendo:
“Digno és, Senhor, de receber glória, e honra, e poder; porque tu criaste todas as coisas, e por tua vontade são e foram criadas’”
24 anciãos = 12 anciãos + 12 anciãos
Poderiam ser:
- Os 12 apóstolos e as 12 tribos de Israel?
- Os salvos do Antigo e os do Novo Testamento?
- Os participantes do arrebatamento (de Israel e dos outros povos)?
- Os participantes do arrebatamento (mortos ressuscitados e vivos transformados)?
- Outra alternativa?  ....................................................................
 



   O anjo pergunta: Quem é digno de abrir o livro?


 
Apocalipse 5:2-4
“E vi um anjo forte, bradando com grande voz:
‘Quem é digno de abrir o livro e de desatar os seus selos’?
E ninguém no céu, nem na terra, nem debaixo da terra, podia abrir o livro, nem olhar para ele. E eu chorava muito, porque ninguém fora achado digno de abrir o livro, nem de o ler, nem de olhar para ele.”
 



   O Cordeiro de Deus, o Leão da Tribo de Judá, é digno de abrir o livro



Apocalipse 5:5-10
“E disse-me um dos anciãos: ‘Não chores; eis aqui o Leão da tribo de Judá, a raiz de Davi, que venceu, para abrir o livro e desatar os seus sete selos.
E olhei, e eis que estava no meio do trono e dos quatro animais viventes e entre os anciãos um Cordeiro, como havendo sido morto, e tinha sete chifres e sete olhos, que são os sete espíritos de Deus enviados a toda a terra.
E veio, e tomou o livro da destra do que estava assentado no trono (Deus).
E, havendo tomado o livro, os quatro animais e os vinte e quatro anciãos prostraram-se diante do Cordeiro, tendo todos eles harpas e salvas de ouro cheias de incenso, que são as orações dos santos. E cantavam um novo cântico, dizendo:
 “Digno és de tomar o livro, e de abrir os seus selos; porque foste morto, e com o teu sangue compraste para Deus homens de toda a tribo, e língua, e povo, e nação; E para o nosso Deus os fizeste reis e sacerdotes; e eles reinarão sobre a terra.
 



    Os quatro cavaleiros do Apocalipse


 
 
Apocalipse 6:1-8
(Os 4 Primeiros Selos)
A cada selo que o Cordeiro abria (os 4 primeiros), um dos quatro animais dizia: “Vem e vê”.
1º cavalo: branco.
Seu cavaleiro tinha um arco; e foi-lhe dada uma coroa, e saiu vitorioso, e para vencer.
2º cavalo: vermelho.
Ao seu cavaleiro foi dado que tirasse a paz da terra, e que se matassem uns aos outros; e foi-lhe dada uma grande espada.
3º cavalo: preto
Seu cavaleiro tinha uma balança na mão. Uma voz no meio dos quatro animais dizia: “Uma medida de trigo por um dinheiro, e três medidas de cevada por um dinheiro; e não danifiques o azeite e o vinho.”
4º cavalo: amarelo
Seu cavaleiro tinha por nome Morte; e o inferno o seguia; e foi-lhes dado poder para matar a quarta parte da terra, com espada, e com fome, e com peste, e com as feras da terra.
 



 As almas dos mártires debaixo do altar


 
 
Apocalipse 6:9-11
(O Quinto Selo)
E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram.
E clamavam com grande voz, dizendo:
“Até quando, ó verdadeiro e santo Dominador, não julgas e vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra?”
E foram dadas a cada um compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda um pouco de tempo, até que também se completasse o número de seus conservos e seus irmãos, que haviam de ser mortos como eles foram.
 



  .  Grandes sinais nos céus


 

Apocalipse 6:12-17
(O Sexto Selo)
- Grande tremor de terra.
- O Sol tornou-se negro como saco de silício.
- A Lua tornou-se como sangue.
- As estrelas do céu caíram sobre a terra, como quando a figueira lança de si os seus figos verdes, abalada por um vento forte.
- O céu retirou-se como um livro que se enrola.
- Todos os montes e ilhas foram removidos dos seus lugares.
- Os reis da terra, e os grandes, e os ricos, e os tribunos, e os poderosos, e todo o servo, e todo o livre, se esconderam nas cavernas e nas rochas das montanhas; e diziam aos montes e aos rochedos:
“Caí sobre nós, e escondei-nos do rosto daquele que está assentado sobre o trono, e da ira do Cordeiro; é vindo o grande dia da sua ira; e quem poderá subsistir?”
 



  144.000 israelitas são selados com o selo do Deus Vivo


 

Apocalipse 7:1-8
Anjos de Deus assinalarão as testas de 144 mil servos de Deus, dentre o povo de Israel.
 



 . A grande multidão de salvos durante a Tribulação


 
 
Apocalipse 7:9-17
Estes são os que vieram da grande tribulação, e lavaram as suas vestes e as branquearam no sangue do Cordeiro.
Por isso estão diante do trono de Deus, e o servem de dia e de noite no seu templo; e aquele que está assentado sobre o trono os cobrirá com a sua sombra.
Nunca mais terão fome, nunca mais terão sede; nem sol nem calma alguma cairá sobre eles.
Porque o Cordeiro que está no meio do trono os apascentará, e lhes servirá de guia para as fontes das águas da vida; e Deus limpará de seus olhos toda a lágrima.
 



  Os sete anjos preparados para tocar as trombetas


 
 
Apocalipse 8:1-12
(O Sétimo Selo)
Havendo aberto o sétimo selo, fez-se silêncio no céu quase por meia hora. Os 7 anjos, que estavam diante de Deus, receberam 7 trombetas, e prepararam-se para tocá-las:
1ª trombeta: Houve saraiva e fogo misturado com sangue, e foram lançados na terra, que foi queimada na sua terça parte; queimou-se a terça parte das árvores, e toda a erva verde foi queimada.
2ª trombeta: Foi lançada no mar uma coisa como um grande monte ardendo em fogo, e tornou-se em sangue a terça parte do mar. E morreu a terça parte das criaturas que tinham vida no mar; e perdeu-se a terça parte das naus.
3ª trombeta:Caiu do céu uma grande estrela ardendo como uma tocha, e caiu sobre a terça parte dos rios, e sobre as fontes das águas. E o nome da estrela era Absinto, e a terça parte das águas tornou-se em absinto, e muitos homens morreram das águas, porque se tornaram amargas.
4ª trombeta: Foi ferida a terça parte do sol, e a terça parte da lua, e a terça parte das estrelas; para que a terça parte deles se escurecesse, e a terça parte do dia não brilhasse, e semelhantemente a noite.
 



  Abadom comanda as legiões do abismo para atormentar os homens


 

Apocalipse 9:1-21
(Os 3 “Ais”)
5ª trombeta: Uma estrela cai do céu. Abre o poço do abismo. Sobe uma fumaça que escurece o sol e o ar. Gafanhotos com cauda (tipo escorpião), guiados pelo anjo do abismo (Abadom), atormentam por 5 meses os homens que não tem na testa o sinal de Deus. Os homens buscarão a morte, mas a morte fugirá deles.
6ª trombeta: Os 4 anjos que estão presos junto ao grande rio Eufrates serão soltos para matarem 1/3 dos homens. O número dos exércitos dos cavaleiros era de duzentos milhões. Foi morta a terça parte dos homens, isto é pelo fogo, pela fumaça, e pelo enxofre, que saíam das bocas dos “cavalos” dos cavaleiros dos exércitos.
Mas os sobreviventes não se arrependeram dos seus homicídios, nem das suas feitiçarias, nem da sua prostituição, nem dos seus furtos, e nem das suas adorações aos ídolos (que nem podem ver, nem ouvir, nem falar).
 



   O anjo e o livrinho


 
 
Apocalipse 10:1-7
(A Difusão das Profecias do Apocalipse Pelo Mundo)
Um anjo forte desceu do céu. Vestido de uma nuvem, com um arco celeste por cima de sua cabeça, seu rosto era como o Sol, e os seus pés como colunas de fogo. Na sua mão, um livrinho aberto.
O anjo colocou o seu pé direito sobre o mar, o esquerdo sobre a terra, levantou sua mão ao céu, e jurou que não haveria mais demora: nos dias da voz do sétimo anjo, quando tocar a sua trombeta, se cumprirá o segredo de Deus, como anunciou aos profetas, seus servos.
João come o livrinho dado pelo anjo. Na sua boca, era doce como mel; mas o seu ventre ficou amargo.
O anjo disse-lhe: “Importa que profetizes outra vez a muitos povos, e nações, e línguas e reis.”
 



 As duas testemunhas mártires


 
 
Apocalipse 11:3-10; Gênesis 5:24; II Reis II:11
As duas oliveiras e os dois castiçais que estão diante do Deus são, na verdade, duas testemunhas (Enoque? e Elias?) que virão a Terra profetizar por mil duzentos e sessenta dias.
Eles terão poder para fechar o céu, para que não chova, nos dias da sua profecia; para converter água em sangue, e para ferir a terra com toda a sorte de pragas, todas quantas vezes quiserem.
Quando acabarem o seu testemunho, a besta que sobe do abismo lhes fará guerra, e os vencerá, e os matará.
Seus corpos mortos jazerão na praça da grande cidade que espiritualmente se chama Sodoma e Egito, onde o seu Senhor também foi crucificado.
Homens de vários povos, e tribos, e línguas, e nações verão seus corpos mortos por três dias e meio, e não permitirão que os seus corpos mortos sejam postos em sepulcros.
Os que habitam na terra se regozijarão sobre eles, e se alegrarão, e mandarão presentes uns aos outros; pois estes dois profetas tinham atormentado os que habitam sobre a terra.
 



   As duas testemunhas ressuscitam e ascendem aos céus à vista de todos


 

Apocalipse 11:11-13
Depois de estarem mortos por 3 dias e meio, Deus os ressuscita, e eles se põem de pé. Cai um grande temor sobre os que os viram.
Uma voz vinda do céu os chamará, e eles subirão ao céu em uma nuvem. Os seus inimigos irão ver.
Naquela mesma hora, houve um grande terremoto, e caiu a décima parte da cidade, e no terremoto foram mortos sete mil homens; e os demais ficaram muito atemorizados, e deram glória ao Deus do céu.
Depois disso, o sétimo anjo tocou a sua trombeta (nos dias da voz do sétimo anjo, quando tocar a sua trombeta, se cumprirá o segredo de Deus, como anunciou aos profetas, seus servos).
7ª trombeta: Abriu-se no céu o templo de Deus, e a arca da sua aliança foi vista no seu templo; e houve relâmpagos, e vozes, e trovões, e terremotos e grande saraiva.
 



    A mulher sentindo as dores de parto e o Dragão


 
 
Apocalipse 12:1-9
- Mulher grávida com dores de parto (Israel esperando o seu Salvador).
- Seu filho irá reger todas as nações, foi arrebatado para Deus e seu trono (Jesus Cristo).
- Grande dragão vermelho = a antiga serpente, chamada o Diabo, e Satanás, que engana todo o mundo. Com sete cabeças, dez chifres, e sobre as suas cabeças sete diademas.
 



   Batalha nos céus; Miguel e seus anjos pelejam contra o Dragão e seus anjos


 
 
Apocalipse 12:7-12
(O Dragão é Expulso do Céu)
Houve uma batalha no céu: Miguel e os seus anjos vencem o dragão os seus anjos, precipitando-os dos céus para a Terra.
Alegria para os céus e para os que neles habitam. Ai dos que habitam na terra e no mar; porque o diabo desceu a nós, e tem grande ira, sabendo que já tem pouco tempo.
Quando o dragão viu que fora lançado na terra, perseguiu a mulher (Israel) que dera à luz o filho homem (Jesus).
 



 A mulher recebe asas de águia para fugir da ira do Dragão


 

Apocalipse 12:14
(A Mulher é Sustentada no Deserto)
Foram dadas à mulher duas asas de grande águia, para que voasse para o deserto, ao seu lugar, onde é sustentada por um tempo, e tempos, e metade de um tempo, fora da vista da serpente.
 



    O Dragão persegue a mulher


 

Apocalipse 12:15-17
O dragão, a antiga serpente (do jardim do Éden), lançou da sua boca, atrás da mulher, água como um rio, para que pela corrente a fizesse arrebatar.
E a terra ajudou a mulher; e a terra abriu a sua boca, e tragou o rio que o dragão lançara da sua boca.
E o dragão irou-se contra a mulher, e foi fazer guerra ao remanescente da sua semente, os que guardam os mandamentos de Deus, e têm o testemunho de Jesus Cristo (cristãos). E o dragão parou sobre a areia do mar.
 



  O Dragão, a besta que emerge do mar e a besta de emerge da terra


 

Apocalipse 13:1-18
A besta que saiu do mar: 7 cabeças e 10 chifres. Sobre seus chifres, 10 diademas. Sobre as suas cabeças, um nome de blasfêmia. Semelhante ao leopardo, pés como os de urso, boca como a de leão; e o dragão deu-lhe o seu poder, e o seu trono, e grande poderio.
Uma de suas cabeças será ferida de morte, e curada. Os homens adorarão o dragão que deu à besta o seu poder, e à besta também.
Ela agirá por 42 meses. Fará guerra aos santos, e vencerá. Terá poder sobre TODA tribo, e língua, e nação. Todos os que habitam sobre a terra, esses cujos nomes não estão escritos no livro da vida do Cordeiro que foi morto desde a fundação do mundo, irão adorá-la.
A besta que saiu da terra: 2 chifres semelhantes aos de um cordeiro, falando como o dragão (falso Cristo? falso profeta?). Faz grandes sinais, de maneira que até fogo faz descer do céu à terra, à vista dos homens. Fará com que sejam mortos todos os que não adorarem a imagem da besta anterior. A imagem irá falar.
Essa besta fará com que TODOS, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na sua mão direita, ou nas suas testas, para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome. Aqui há sabedoria. Aquele que tem entendimento, calcule o número da besta; porque é o número de um homem, e o seu número é seiscentos e sessenta e seis.
 



   Os sete anjos com as sete taças da ira do Deus Todo Poderoso


 
 
Apocalipse 15:1-8
A Terra foi segada.
João vê um lugar como mar de vidro misturado com fogo; e também os que saíram vitoriosos da besta, e da sua imagem, e do seu sinal, e do número do seu nome, que estavam junto ao mar de vidro, e tinham as harpas de Deus.
O templo do tabernáculo do testemunho se abriu no céu.
Os 7 anjos que tinham as 7 pragas saíram do templo, vestidos de linho puro e resplandecente, e cingidos com cintos de ouro pelos peitos.
Um dos quatro animais deu aos sete anjos 7 taças de ouro, cheias da ira de Deus, que vive para todo o sempre.
E o templo encheu-se com a fumaça da glória de Deus e do seu poder; e ninguém podia entrar no templo, até que se consumassem as sete pragas dos sete anjos.
 



  As sete pragas finais


 
 
Apocalipse 16:1-21
1ª taça: Chaga maligna nos homens que tinham o sinal da besta e que adoravam a sua imagem.
2ª taça: O mar se tornou em sangue, e morreu no mar toda a alma vivente.
3ª taça: Os rios se tornaram em sangue.
4ª taça: O sol abrasa os homens com fogo.
5ª taça: O trono da besta se fez tenebroso. Eles mordiam as suas línguas de dor.
6ª taça: O rio Eufrates seca, fazendo caminho para os reis do Oriente. Armagedom.
7ª taça: “Está feito”, diz uma voz (Deus) vinda do trono do templo do céu. Um grande terremoto. Chuva de pedras do tamanho de um talento (34 quilos). As cidades das nações caíram. A grande cidade fendeu-se em 3 partes. Toda ilha fugiu. Os montes não se acharam.
 



  A grande meretriz montada sobre a besta


 
 
Apocalipse 17:1-18
A prostituta, embriagada com o sangue das testemunhas de Jesus, assentada sobre muitas águas e também sobre a besta escarlata, com 7 cabeças e 10 chifres.
A mulher = a grande cidade (Roma) que reinava sobre os reis da Terra na época de Jesus.
A besta = é a mesma que subiu do abismo. Um oitavo reino.
Águas = povos, línguas, nações e línguas.
7 cabeças = 7 montes sobre o qual a mulher (Roma) está assentada; 7 reis; 7 reinos.
10 chifres = 10 reis. Receberão poder como reis por uma hora, junto com a besta, mas entregarão seu poder e autoridade à besta. Acabarão com a prostituta.
 



    O nome dEle é Fiel e Verdadeiro; Ele julga e peleja com justiça


 

Apocalipse 19:8-16
(As bodas do cordeiro (Jesus Cristo) com a sua esposa (os fiéis) estão próximas)
Em um cavalo branco, eis o Fiel e Verdadeiro, foi lhe dado um vestido de linho fino, puro e resplandecente (linho fino = justiça dos santos). Ele tem olhos como chama de fogo, diademas sobre a cabeça, e um nome escrito, que ninguém sabia senão Ele mesmo. Sua veste está salpicada de sangue (Ele foi crucificado, mas ressucitou).
O nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus. Os exércitos no céu o seguem, vestidos de linho fino, branco e puro, em cavalos brancos. Da sua boca saía uma aguda espada, para ferir com ela as nações; e Ele as regerá com vara de ferro; e Ele mesmo é o que pisa o lagar do vinho do furor e da ira do Deus Todo-Poderoso. E no manto e na sua coxa tem escrito este nome: Rei dos reis, e Senhor dos senhores.
 



    As duas bestas são lançadas no lago de fogo e enxofre


 
 
Apocalipse 19:17-21
A besta, os reis da terra, e os seus exércitos se reuniram para fazer guerra àquele que estava assentado sobre o cavalo, e ao seu exército
A besta e o falso profeta (A segunda besta? O anti-Cristo? O papa?), que diante dela fizera os sinais com que enganou os que receberam o sinal da besta, e adoraram a sua imagem, foram os dois lançados vivos no lago de fogo que arde com enxofre.
Quanto aos demais, foram mortos com a espada que saía da boca do que estava assentado sobre o cavalo (Jesus), e todas as aves se fartaram das suas carnes.
 



 O anjo forte incumbido de aprisionar o Dragão


 
 
Apocalipse 20:1




O anjo que tinha a chave do abismo desceu do céu com uma grande cadeia na sua mão.
 



 O Dragão é aprisionado no abismo


 
 
Apocalipse 20:2,3
Ele prendeu o dragão (= a antiga serpente = Diabo = Satanás), e amarrou-o por 1.000 anos, lançando-o no abismo, e ali o encerrou, e pôs selo sobre ele, para que não mais engane as nações, até que os 1.000 anos se acabem.
 



  Após os 1000 anos, o Dragão é libertado


 

Apocalipse 20:7-9
Acabando-se os 1.000 anos, Satanás será solto da sua prisão, e sairá a enganar as nações que estão sobre os quatro cantos da terra, para as ajuntar em batalha.
Eles cercaram o arraial dos santos, e a cidade amada (Jerusalém?), quando de Deus desceu fogo do céu, e os devorou.
 



  O Dragão é lançado no lago de fogo e enxofre


 

Apocalipse 20:10
E o diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde está a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados para todo o sempre.
 



    O grande trono branco


 

Apocalipse 20:11
Então, João viu um grande trono branco, e também quem estava assentado sobre ele, de cuja presença fugiu a terra e o céu; e não se achou lugar para eles.
 



   Os rolos dos livros são abertos


 
 
Apocalipse 20:12-14
(O Juízo Final)
João viu os mortos, grandes e pequenos, que estavam diante de Deus.
Abriram-se os livros. Os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras.
Abriu-se também um outro livro, que é o da vida.
Aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo.
 



  O lago de fogo


 
 
Apocalipse 20:15; 21:8
(A Segunda Morte)
Aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo.
Aos tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos fornicadores, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte.
 


 João é conduzido pelo anjo


 
Apocalipse 21:10-27
(A Cidade Preparada para a “Esposa do Cordeiro”)
Um dos 7 anjos que tinham as sete taças cheias das últimas sete pragas disse a João:
“Vem, mostrar-te-ei a esposa, a mulher do Cordeiro” (os que estão inscritos no Livro da Vida, pois tiveram seus pecados perdoados por Jesus Cristo).
Levando-o em espírito a um grande e alto monte, mostrou a João a grande cidade, a santa Jerusalém, que de Deus descia do céu.
O anjo tinha uma cana de ouro, para medir a cidade, e as suas portas, e o seu muro.
Nesta cidade não entrará coisa alguma que contamine, e cometa abominação e mentira; mas só os que estão inscritos no livro da vida do Cordeiro.
 



   A Nova Jerusalém


 
 
Apocalipse 21:10-27
A santa Jerusalém tem a glória de Deus; a sua luz é semelhante a uma pedra preciosíssima.
Tem um grande e alto muro com doze portas. No leste, três portas; no norte, mais três portas, no lado sul, mais três portas, e no lado oeste, três portas também.
O muro da cidade tem doze fundamentos, e neles os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro.
A cidade está situada em quadrado; e o seu comprimento é igual à sua largura. O seu comprimento, largura e altura eram iguais.
 



  A muralha e as portas da cidade, feitas com pedras preciosas


 

Apocalipse 21:10-27
Nas doze portas, doze anjos, e nomes escritos sobre as portas: os nomes das doze tribos dos filhos de Israel.
As doze portas, na verdade, eram doze pérolas; cada uma das portas era uma pérola. Tinha também 12 fundamentos, e neles os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro. A construção do seu muro era de jaspe, e a cidade de ouro puro, semelhante a vidro puro.
Os fundamentos do muro da cidade estavam adornados de todo tipo de pedras preciosas. O primeiro fundamento era jaspe; o segundo, safira; o terceiro, calcedônia; o quarto, esmeralda; o quinto, sardônica; o sexto, sárdio; o sétimo, crisólito; o oitavo, berilo; o nono, topázio; o décimo, crisópraso; o undécimo, jacinto; o duodécimo, ametista.
 



    As ruas de ouro da cidade, o rio da vida e as mansões celestiais


 
 
Apocalipse 21:21-27
A praça da cidade é de ouro puro, como vidro transparente.
E nela João não viu templo, porque o seu templo é o Senhor Deus Todo-Poderoso, e o Cordeiro.
E a cidade não necessita de sol nem de lua, para que nela resplandeçam, porque a glória de Deus a tem iluminado, e o Cordeiro é a sua lâmpada. E as nações dos salvos andarão à sua luz; e os reis da terra trarão para ela a sua glória e honra.
E as suas portas não se fecharão de dia, porque ali não haverá noite. E a ela trarão a glória e honra das nações. E não entrará nela coisa alguma que contamine, e cometa abominação e mentira; mas só os que estão inscritos no livro da vida do Cordeiro.



Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Marcadores

Follow by Email

Recent Posts

Postagens populares

Minha lista de blogs