pesquisa magos da luz

Pesquisa personalizada

6 de fev de 2016

O Castelo do Nazista (Castelinho von Peruibe)

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

O Castelo do Nazista (Castelinho de Peruíbe)

O Castelo do Nazista (Castelinho de Peruíbe)

Uma aura de mistério ronda o castelo do Alemão, localizado na Prainha, em plena Serra dos Itatins, em Peruíbe. Trata-se de um castelo com estilo medieval, abandonado que, dizem, foi construído por um alemão, membro do governo Nazista, fugido para o Brasil no final da Segunda Grande Guerra. Ninguém confirma isso (mesmo porque, os alemães sofrem com o estigma de que são nazistas, puro preconceito, nem todos cooptaram com o governo de Hittler), mas o castelo é uma visão estranha em meio a Mata Atlântica. Vale a visita.

Dizem que este castelo foi construido , em molde aos castelos litoraneos europeus medievais ,os devotos da instituição cavaleiros templários.

Castelo do Alemão (Nazista) em Peruíbe, em meio à reserva florestal da Jureia.

Conta a lenda que ali morou um nazista, na verdade professor Hardy Lopes Giusti, que mantinha uma mulher prisioneira na torre. O grupo foi pessoalmente ao local e conversou com a caseira que ainda mora ali, ao lado do Castelo, que contou ter trabalhado com ele e que na verdade era a mãe dele que era mantida trancada por ter problemas mentais. Dizem que ele se matou. Várias pessoas relatam conhecer o castelo desde os anos 70 em uma comunidade do Orkut feita para abordar as lendas que circulam aquela praia de Peruíbe.

Estivemos lá pessoalmente e tiramos fotos e fizemos vídeos da visita externa ao Castelo.
Uma das câmeras se estragou misteriosamente, baterias e pilhas tiveram que ser usadas para recuperação de imagens, pois descarregavam sem explicação e as 3 máquinas fotográficas embaçavam as imagens ao mesmo tempo. Ainda assim, conseguimos fazer alguns registros da rápida visita.

O que intriga é procurar saber o por quê o castelo é cheio de armadilhas, ganchos cortantes e cabos elétricos, além de imagens sinistras, como estátuas, brasões, cruzes, um calabouço visivelmente feito para prender e isolar alguém, entre outros mistérios.


 O Castelo está localizado em meio a mata da Prainha em Peruíbe. De difícil acesso, há muitas lendas na região, inclusive com várias ocorrências de luzes noturnas, episódios de mortes estranhas de animais que tiveram seu sangue sugado completamente sem deixar uma marca sequer nos pelos ou no solo, sem qualquer vestígio de tratar-se de outro animal ou ser humano. Tais fatos foram atribuído a ocorrências extraterrestres, mas tenho minhas dúvidas se não se trata de criatura maligna (vampiros ou demônios). Tais ocorrências de forma idêntica foram registradas em outros países da América do Sul e EUA. Trataremos disto mais pra frente.


Observe que ao lado foram construídas outras residências. Nos foi contado que ainda hoje um dos familiares é dono de uma dessas casas e habitualmente vem ao Castelo.  









Chegando na Torre do Castelo


Observe que o Castelo foi construído pedra por pedra.


Visão através da janela para parte interna do Castelo




Visão da Torre


Ganchos e pontas afiadas e cabos elétricos


Ao fundo está o muro com pontas afiadas que separa o Castelo da casa do familiar


Detalhe das pedras que formam o Castelo



Visão interna através de uma das janelas


A idade aproximada do Castelo é de no mínimo 40 anos. 


Impressão de algo lá dentro?
Vista interna da janela
O que chama mais a atenção é a silhueta branca ao fundo ou a sombra preta à esquerda?


Detalhe das "armadilhas" para afastar curiosos e intrusos... Ou impedir a fuga de alguém lá da Torre?



Repare nos ganchos (pontas afiadas) abaixo da janela


Porta da Torre: "Não entre" (escrito em vermelho)





Por que tantas fechaduras? Tanta segurança? Se são apenas ruínas...?


Visão debaixo da porta de entrada.





As muralhas


Ruínas de um gazebo do Castelo

Um dos cômodos da área externa do Castelo hoje usada como moradia por um rapaz solitário





Portão do Castelo com emblemas estranhos




Participaram desta expedição:

Daniel Santana
Maria Helenise Demétrio
Bárbara Caracyoli
Maristela Roman (Mari Rocha)

Assista as filmagens:


______________

Benzzino Gasolini - 26/04/2010 (Fonte: Comunidade sobre o Castelo no Orkut)

Já faz um bom tempo que na comunidade de Peruibe havia um tópico sobre lendas do castelo, e um cara postou uma história bem interessante (porém sem confirmações ainda são boatos, lendas mesmo) sobre o local e seu dono, o Prof. Hardy. Infelizmente algum hacker invadiu a comuna e todos os tópicos foram apagados. Vou escrever algumas coisas que lembro:

- Depois que o Prof. Hardy morreu, a polícia federal entrou no castelo e confiscou dólares, armas, livros, e pinturas acho. Uma delas mostrava uma parte da serra dos Itatins e não lembro se no mesmo quadro ou em outro, havia um ser luminoso.
Meu comentario: acho bem interessante o tal quadro mencionado, já que existe uma lenda em Peruibe sobre um tal Portal de Pedra, um lugar de onde sairiam OVNIs e seres luminosos. Este tal Portal de Pedra fica em um paredão rochoso na estrada que liga Peruibe à Prainha.

- Não sei aonde ele foi enterrado, mas o cara que postou disse que foi no cemitério de Peruibe e que uma noite alguém viu um tipo de demônio perto do túmulo, e este demônio se assemelhava a uma figura que estava na capa de um dos livros confiscados.
Meu comentário: muitos dizem que ele era um nazista, e eu já li em muitos lugares que havia um grande movimento nazista ocultista que perseguia artefatos desconhecidos, cidades perdidas, coisas do gênero. Se isso é mesmo verdade, então ele poderia ter mesmo livros raros ali dentro. Aliás, eu até acho que ele podia estar ali procurando uma entrada para alguma cidade perdida dentro da montanha.

Sei que é tudo muito fantasioso, tudo não passa de boatos. Mas vai que alguém também ja ouviu a mesma coisa... Ou melhor ainda: vai que alguem confirme alguma dessas informações!

Existe uma placa com palavras em um idioma que parece latim. Após ver uma foto da placa, pesquisei um pouco e descobri que se trata do início do Canto 3 - 'Portais do Inferno' da "Divina Comédia" de Dante Allighieri.
A inscrição que existe (embora eu nunca tenha visto pessoalmente a placa) em algum lugar perto do castelo é a seguinte:

"Per me si va ne la città dolente,
per me si va ne l'etterno dolore,
per me si va tra la perduta gente.

Giustizia mosse il mio alto fattore:
fecemi la divina podestate,
la somma sapienza e 'l primo amore.

Dinanzi a me non fuor cose create
se non etterne, e io etterno duro.
Lasciate ogne speranza, voi ch'entrate"

Traduzindo:

"Por mim se vai das dores à morada,
Por mim se vai ao padecer eterno,
Por mim se vai à gente condenada.

Moveu Justiça o Autor meu sempiterno,
Formado fui por divinal possança,
Sabedoria suma e amor supremo.

No existir, ser nenhum a mim se avança,
Não sendo eterno, e eu eternal perduro:
Deixai, ó vós que entrais, toda a esperança!”

Agora, a razão para o Hardy ter deixado registradas essas palavras ali está além do meu conhecimento.
_________________________________________________

Apenas o áudio de conversa com moradora, hoje vizinha da propriedade, que trabalhou como caseira do "nazista". A partir dos 4 minutos de gravação, iniciamos a gravação de imagens e repare como estranhamente a câmera está embaçada. Detalhe: as outras 2 câmeras do grupo também estavam embaçadas no mesmo momento:


Depois de normalizada a situação, registramos nossa visita ao Castelo: E pra encerrar, registro que precisamos de muitas baterias e pilhas, além de várias tentativas pra poder finalizar e colocar essa matéria no ar. Estranhamente, a pilha e baterias acabavam, a câmera usada apareceu trincada internamente no visor (cristal líquido), enfim... coincidências sobrenaturais!
--> ------------------------------------------------------- Das Schloss der Nazi (Castelinho von Peruibe) Das Schloss der Nazi (Castelinho von Peruibe) Eine Aura von Geheimnis rund um die deutsche Burg, befindet sich in Prainha, in der Serra Itatins in Peruibe. Es ist eine Burg mit mittelalterlichen Stil, verlassen sie, sagen sie, von einem deutschen Mitglied der Nazi-Regierung gebaut wurde, floh am Ende des Zweiten Weltkrieges nach Brasilien. Niemand bestätigt dies (wenn auch nur, weil die Deutschen vom Stigma leiden, dass sie Nazis, reines Vorurteil, nicht alle kooptiert mit Hittler Regierung), aber das Schloss ist ein seltsamer Anblick in der Mitte des Atlantiks. Ein Besuch lohnt sich. Sie sagen, dass dieses Schloss in der Form zu mittelalterlichen europäischen Küsten Schlösser, Anhänger der Tempelritter Institution gebaut wurde. Deutsches Schloss (NS) in Peruibe, inmitten des Waldes von Jureia. Die Legende besagt, dass es eine Nazi lebte, der Lehrer Wahrheit Hardy Lopes Giusti, der eine Frau gefangen im Turm gehalten. Die Gruppe war persönlich auf der Bühne und sprach mit der Heimat, die noch dort lebt, direkt neben dem Schloss, das mit ihm habe, war zu beschäftigt und war eigentlich seine Mutter, die mit psychischen Problemen war verschlossen gehalten. Es heißt, er hat sich umgebracht. Mehrere Personen berichteten über die Burg zu wissen, seit den 70er Jahren in einem Orkut-Gemeinschaft die Legenden, dass Peruibe Strand zirkulierenden Adresse gemacht. Wir waren dort in Person und machten Fotos und Videos gemacht externer Besuch im Schloss. Eine der Kameras wurde auf mysteriöse Weise getrübt und Batterien hatte für die Bildwiederherstellung verwendet werden, da ohne Erklärung entladen und drei Kameras Bilder gleichzeitig verschleiert. Dennoch gelang es uns, ein paar schnelle Besuch Aufzeichnungen zu machen. Was fasziniert, ist herauszufinden, warum das Schloss von Fallen voll ist, scharfe Haken und Kabel, und unheilvolle Bilder, wie Statuen, Wappen, durchquert eine sichtbar Kerker jemand zu halten und zu isolieren gemacht, unter anderen Geheimnisse. Das Schloss liegt inmitten des Waldes von Prainha in Peruibe entfernt. Schwer zugänglich, es gibt viele Legenden in der Umgebung, darunter mehrere Vorkommen von Nachtlichter, Episoden von seltsames Tier Todesfälle, die ihr Blut hatte durchgesaugt, ohne eine Spur sogar auf dem Boden zu verlassen oder U-Bahn, ohne jede Spur von ihm ein anderer zu sein Tier oder Mensch. Diese Tatsachen wurden zu außerirdischen Vorkommnisse zugeschrieben, aber ich habe meine Zweifel, ob dies nicht böse Kreaturen (Vampire oder Dämonen). Solche Ereignisse wurden in anderen Ländern von Südamerika und den USA identisch registriert. Wir behandeln sie mehr nach vorne.

5 de fev de 2016

PEGGY a boneca possuída que causa nauseas e dor de cabeça em quem olha sua imagem.

envie seu relato sobrenatural ou pergunta piresvale@gmail.com os relatos serão divulgado aqui

PEGGY a boneca possuída que causa nauseas e dor de cabeça em quem olha sua imagem. 

 

Peggy: A boneca assombrada

a boneca demoníaca
Existem vários casos de objetos considerados amaldiçoados, desde armas, casas, joias e até brinquedos. Desde os tempos antigos, há histórias de brinquedos ou bonecos que se tornam hospedeiros para o mundo dos espíritos, histórias como da Boneca Annabelle ou do Maldito Boneco Robert, já foram abordados aqui no blog Noite Sinistra, que hoje volta a falar do tema e aborda o caso da boneca Peggy: a boneca assombrada. Essa boneca seria capaz de provocar dores e náuseas em pessoas que viram suas fotos ou assistiram à algum vídeo da misteriosa boneca.
Muitas pessoas acreditam que quando alguns indivíduos experimentam emoções muito intensas, sejam essas emoções boas ou más, as vezes, isso resulta em liberação de energias. Tais energias podem acabar “se agarrando” a objetos pessoais do indivíduo, principalmente aqueles objetos mais adorados por eles. Essa crença afirma que em casas onde crimes bárbaros aconteceram, a energia negativa desses eventos pode acabar sendo sentida por pessoas sensíveis a esses fenômenos. O mesmo aconteceria com objetos supostamente amaldiçoados: eles estariam impregnados de energias hostis e malignas.

Leia Mais: Suposta boneca assombrada colocada a venda no eBay

Especialistas paranormais dizem que proprietários de brinquedos quando morrerem tendem a ter um canal para se conectar com o mundo dos vivos. Annabelle e Robert são dois exemplos claros de bonecas possuídas, mas há muitos outros ao redor do mundo. E embora ainda exista alguma descrença em relação a este fenômeno sobrenatural, hoje continua a haver casos de bonecas possuídas por espíritos ou entidades demoníacas, um exemplo disso é o caso da boneca Peggy.
O caso da boneca Peggy tornou-se muito conhecido no Reino Unido, tendo sido algo de várias reportagens de emissoras de TV, rádio e jornais. Depois que o caso da boneca passou a figurar na mídia, vários relatos começaram a ser enviados a investigadora paranormal que está em posse da boneca. Seriam esses relatos provas das alegações a respeito do possível caráter paranormal da boneca, ou apenas uma demonstração de histeria coletiva?

A boneca que causa dor e sofrimento a quem veja suas fotos e vídeos

A investigadora paranormal, Jayne Harris diz que muitas pessoas têm relatado sintomas como dores no peito, náuseas e fortes dores de cabeça depois de ver fotos e vídeos de uma boneca loira chamada Peggy, que aparentemente é possuída por um espírito maligno.
Pesquisadora que cuida de Peggy, a boneca do demônio.
Jayne Harris, fundadora da organização Haunted Dolls — ou “Bonecas Assombradas” — na Inglaterra, diz que Peggy é realmente possuída por um espírito do mal, e esse espírito seria responsável por fazer as pessoas terem sensações estranhas quando tem contato com a simples imagem de Peggy.
O ex proprietário da boneca foi obrigado a procurar a ajuda de um padre depois de experimentar pesadelos contínuos e terríveis. Mas o sacerdote não podia fazer nada para ajudar imediatamente, e assim o proprietário sofreu com uma doença grave. Quando se recuperou de sua doença ele estava realmente convencido de que Peggy foi a fonte de todos os seus problemas, e assim resolveu se livrar dela.
"Ele acordava em casa a noite com febre e muito nervoso", disse Jayne. "Não importa onde ele colocava a boneca em sua casa, os pesadelos continuavam. Em setembro, o anterior proprietário tinha uma doença grave e começou a sofrer alucinações estranhas. Quando se recuperou, ele não viu qualquer outra opção para se livrar da boneca porque ele estava convencido de que era o centro de tudo que estava acontecendo."
Bonce do demônio.
Desde que Jayne começou a investigar a boneca assombrada, e principalmente depois que o tema se tornou conhecido do grande público, não parou de receber mensagens de muitas pessoas ao redor do mundo que dizem se sentem afetadas pelo simples fato de olhar para uma imagem ou assistindo a um vídeo de Peggy. Essas pessoas relatam sentir dores no peito, náuseas e dores de cabeça misteriosa. Uma mulher disse que seu monitor de computador acabou travando em uma das imagens da boneca, e após isso ela sentiu a presença maligna da boneca em sua sala de estar.
Segundo Mirror Online, uma pessoa teria sofrido um ataque cardíaco depois de assistir a um dos vídeos da boneca. Outra vítima disse que lâmpadas começaram a explodir na casa depois de ver as imagens da boneca.
Outras pessoas disseram ter percebido que a temperatura do local onde se encontravam enquanto viam as imagens de Peggy caía dramaticamente, e também teve quem garantiu sentir uma presença maligna se movendo pelo ambiente. O pior é que os eventos estranhos parecem persistir mesmo depois de as imagens serem fechadas.
Segundo relatos de Jayne a repórter Annabel Fenwick Elliott do Daily Mail, certa vez uma mulher havia entrado em contato com ela para alertar que havia tido inúmeros pesadelos com a boneca durante uma noite. Ao acordar na manhã seguinte a mulher teria encontrado seu gato morto.
"Cerca de 80 pessoas tiveram experiências assustadoras depois das fotos ou vídeos de Peggy", disse Jayne. "Uma mulher disse que quando viu uma fotografia de Peggy, seu computador foi bloqueado na imagem da boneca e seu quarto é esfriado de repente. Ela, então, disse que sentiu que alguém estava no quarto com ela, até mesmo o ouviu se mover. Ela me enviou uma mensagem via Facebook no momento me pedindo para ajudá-lo rapidamente sobre o que fazer. Foi então que eu peguei Peggy e levei a uma área de isolamento e pedi para ela parar de atormentar as pessoas. Aparentemente, tudo voltou ao normal".
Jayne não tem a menor dúvida a respeito da alegação de Peggy esteja sob domínio de alguma força sobrenatural. Ela afirma que certa vez, apos ter realizado uma sessão com Peggy, ela, Jayne, havia feito várias anotações em seu livro de anotações. A investigadora acabou tendo que sair do quarto, e quando retornou não encontrou o livro de imediato. Após algum tempo procurando pelo livro de notas, Jayne acabou encontrando-o escondido na viga próxima ao teto do recinto (foto abaixo).
Durante a sessão de escrita automática - um ritual em que um vidente irá se comunicar com um espírito, produzindo quaisquer mensagens que eles têm sem escrever conscientemente - que uma instrução crítica foi passada para um membro da comunidade das bonecas assombrados.
A mulher em questão, conhecida como Lindy, tinha experimentado um atividade paranormal relacionada com Peggy. Na página do Facebook de Lindy haviam algumas postagens sobre a boneca.
"Quando eu comentei meus pensamentos e sentimentos sobre Peggy todos os meus comentários foram duplicados - de mais ninguém, só os meus", disse ela.
"Eu tentei comentar em outros tópicos e nada aconteceu, mas eu logo que voltei àquele tópico e a mesma coisa aconteceu. Meu cachorro começou a latir e meu rosto ficou muito quente e corado. Eu senti como eu não estava sozinha".
"Eu acabei pedindo desculpas a Peggy, como eu senti que talvez ela não tenha costado de eu estar falando sobre ela, e meus sintomas simplesmente pararam."

Investigação a respeito da origem do espírito que possuiu Peggy 

Jayne trabalha com duas hipóteses para a possível identidade do espírito que estaria possuindo a boneca e causando todos os males relatados acima. A primeira hipótese sugere que Peggy tenha sido possuída pelo espírito de uma pessoa de origem judia morta durante no holocausto nazista. A outra hipótese afirma que o espírito que hoje habita a boneca tenha pertencido a uma mulher morta por problemas respiratórios.
Depois de todos esses acontecimentos inexplicáveis, Jayne começou a pesquisar a história de Peggy, após, segundo ela, obter a confirmação de que ela realmente estava possuída. Ela e sua equipe descobriram que o espírito que estaria possuindo a boneca reage negativamente a um colar com um crucifixo. A entidade não reagiria muito bem a presença de palhaços também. Quatro psíquicos disseram que sentiram que o espírito maligno é "inquieto e frustrado". Mas a surpresa veio depois de outra psíquica disse que Peggy é possuída pelo espírito de um judeu que morreu no Holocausto nazista.
"Muitas pessoas, incluindo dois médiuns, disseram que o espírito que possuiu a boneca, tem laços com o Holocausto judeu" Jayne disse. "Nós conduzimos sessões de psicografia com a boneca e as palavras "estrela" e o nome "David" surgiu, o que é, possivelmente, uma conexão".
Mesmo em uma ocasião, durante uma sessão de "psicografia", o espírito enviou uma mensagem enigmática a um membro da equipe, cuja filha tinha problemas mentais. A membro da equipe era Lindy, a mesma mulher que havia relatado mal estar e problemas com uma postagem que havia feito em seu Facebook.
Outras evidências sugerem que o espírito pode ser a de uma mulher nascida em Holland Park, Londres, em 1946, e morreu de problemas respiratórios. Jayne disse que rejeitou várias ofertas para ajudar a expulsar o espírito doobjeto. Ela também rejeitou convites para eventos paranormais, onde ela era convidada a mostrar a boneca. Ela diz que pretende continuar a pesquisa em seu próprio país.

Vídeo de Peggy

Abaixo compartilho com os amigos e amigas um vídeo em que podemos observar a boneca. Lembrando que muitas pessoas afirmam que após assistirem vídeos e verem fotos da boneca acabaram acometidas por algum tipo de mal estar.
-->

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Recent Posts

Postagens populares

Minha lista de blogs